Considerada a grande protagonista da décima sétima edição do Big Brother Brasil, a gaúcha, #Emilly Araújo, de 20 anos, continua sendo notícia no país. Ela, que é tida hoje como uma das celebridades mais visadas do Brasil, é também uma das mais clicadas nos sites de busca e seguidas nas redes sociais.

Tamanho é o sucesso e a visibilidade da ex-BBB, que constantemente seu nome está envolvido em polêmicas e consequentemente estampado nas colunas dos sites mais famosos da atualidade. Nesta última sexta-feira, 26 de maio, uma notícia envolvendo Emilly, chamou a atenção e comoveu milhares de pessoas que assistiam ao programa 'Fofocalizando', do SBT.

Publicidade
Publicidade

A notícia em questão trata de um desabafo feito pela irmã de Volnei, pai de Emilly, Silvani Correa, conhecida como a 'tia querida' da ex-BBB. Segundo Silvani, ela se encontra em uma situação financeira bastante difícil e, por diversas vezes, se encontrou sem ter o que comer e já chegou a passar fome. Ela, que trabalhava como diarista em Eldorado do Sul, devido à crise, está desempregada e recentemente recebeu uma proposta de morar no Rio de Janeiro e trabalhar como empregada para a sobrinha milionária. Mãe de filhos menores de idade, Silvani recusou a proposta, pois Emilly não permitiu a entrada as crianças na casa.

Na mesma noite em que Silvani desabafou sua situação em rede nacional, William Silva Araújo, primo de Emilly, foi a público desabafar sobre o comportamento da ex-BBB e postou um vídeo no YouTube relatando sua decepção.

Publicidade

De acordo com William, o sucesso subiu à cabeça da gaúcha e que a mesma é uma 'mal-agradecida'. Enfurecido com o comportamento apresentado por ela aos familiares de Eldorado do Sul, que sempre a apoiaram, principalmente após a perda da mãe e durante o confinamento no reality show, William declara: ''Ela não tem moral de levar o nome Araújo''.

Estarrecido com a mudança de personalidade e 'arrogância' de Emilly à família gaúcha, William afirma: ''Nunca ganhamos um real dela. Não queríamos antes e ainda agora não queremos nada''.

A repercussão dos desabafos feitos pelos familiares da campeã do BBB17 nesta última sexta-feira, inundaram as redes sociais de comentários que se dividiam entre fãs que se comoviam com a situação da família e esperavam uma maior atenção de Emilly, e de fãs que apoiavam a 'mudança de ares' e progresso de vida conquistados graças ao esforço da ex-BBB.

Indagados pelo portal UOL sobre o que foi dito sobre Emilly Araújo, a assessoria de imprensa da gaúcha preferiu não se pronunciar e afirmou que no momento não há nada a declarar. #Emilly BBB17