Até então, o público, amigos e parentes evitavam falar sobre o câncer de #Marcelo Rezende. Ele mesmo, em entrevista ao Domingo Espetacular, disse que falar sobre não vai aumentar ou diminuir a doença e que a palavra câncer, apesar de já ter sido uma palavra proibida na boca dos mais velhos, hoje em dia não é mais. Ele não tem nenhum problema em falar sobre o caso.

Na entrevista, ele citou quais foram os sintomas que o levaram a fazer uma bateria de exames e identificar a doença. Ele estranhou o fato de ter tido o paladar e o olfato alterados de forma significativa. E como o próprio Marcelo Rezende disse, ele tinha os dois sentidos muito apurados.

Publicidade
Publicidade

Também notou que nem mesmo o vinho, uma bebida muito apreciada por ele, o organismo estava aceitando. Então ele ligou para o médico e pediu uma prescrição de exames detalhados. Marcelo fez todos os exames em um dos melhores hospitais de São Paulo e do Brasil, o Albert Einstein, e após os resultados o médico revelou: ele tinha um câncer no pâncreas que já havia realizado metástase para o fígado. Esse, segundo especialistas, já é um estágio considerado avançado da doença.

O Jornal do Comércio, de Pernambuco, entrevistou por telefone o endocrinologista Ney Cavalcanti de Albuquerque, que já foi presidente da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia. O especialista revelou que o cenário de saúde apresentado pelo apresentador Marcelo Rezende é muito crítico. Segundo o médico, as estatísticas para o caso revelam que a cura para este tipo de câncer gira em torno de 1%, ou seja, a cada 100 pacientes acometidos, apenas um sobrevive.

Publicidade

O médico comparou a cura a uma espécie de milagre. O especialista disse que esse é um câncer dos mais agressivos e de mau prognóstico [VIDEO], por isso, difícil de tratar. A cirurgia não é uma opção muitas vezes e o câncer não reage bem nem mesmo a radioterapia e a quimioterapia.

Mas se depender de fé, Marcelo Rezende está protegido. Em sua entrevista para o único programa que pode expor na TV sua situação, ele disse que vai superar toda esta fase. E ainda deixou claro que superar não significa apenas vencer a doença, e sim estar alinhado sempre e a todo momento aos seus preceitos religiosos.

Nesta terça-feira, por exemplo, Marcelo Rezende postou uma foto num leito de hospital e ao seu lado a fiel escudeira. Uma Bíblia.

Famosos se solidarizaram

Além do apoio enorme de anônimos, Marcelo tem recebido apoio até de onde não se esperava. Seu concorrente de horário e gênero televisivo, Datena, fez uma grande homenagem ao colega. Já o até então desafeto Britto Jr. também mandou uma mensagem de apoio ao apresentador.

Publicidade

Todos numa corrente positiva e de orações para a recuperação do apresentador.

Como curiosidade, e mais um alento de fé, uma internauta postou uma mensagem dizendo que há cerca de 18 anos seu marido havia sido acometido da mesma doença, que já tinha também se alastrado pelo fígado. Ele foi operado e o médico lhe deu 2% de chances de vida. 18 anos depois, o homem está vivo e saudável. #cancer