#Marcos Harter, ex-BBB, apareceu em imagens beijando Babi Sullivan, uma jovem estudante de Ciências Contábeis. Ela mora em São Paulo e os dois teriam se conhecido em uma festa na cidade. O cirurgião plástico também inaugurou um consultório na capital paulista recentemente e isso aproximou ainda mais o ‘novo casal’. A vida amorosa de Marcos está tomando novos caminhos, no entanto, as velhas críticas ainda persistem. Antes, ele namorava #Emilly Araújo, a campeã do Big Brother Brasil 2017, e a gêmea tinha 20 anos, sendo que o médico já é um homem maduro, que entrou na casa dos 40 anos. Agora, com Babi, as críticas persistem e muitos seguidores do médico nas redes socais denunciam que a moça é muito jovem para ele.

Publicidade
Publicidade

Outros internautas também detonaram que Babi possa ser uma viciada em cigarro: "Já pegou coisas melhores". As críticas surgem principalmente de pessoas que ainda nutriam certa esperança que o casal Marcos e Emilly voltasse a estar junto como antes, em um relacionamento amoroso. Há, inclusive, grupos de fãs do casal que esperavam esse retorno, mas se frustraram com a imagem do médico beijando Babi em um apartamento. Até teve seguidor que chegou a afirmar que o cirurgião plástico ‘baixou o nível’. De acordo com esse internauta, o doutor ‘merecia algo melhor’.

“Que decadência em Doc, que menina podre, já pegou coisas melhores.”, disse a seguidora Kalita, em resposta a uma postagem do médico no Instagram. “Adorava você e hoje me decepcionei... estava errada a seu respeito e olha que não sou a única..

Publicidade

.pelo menos deveria ter a decência de por um ponto final... foi criancice demais...”, lamenta uma segunda seguidora, fazendo referência ao namoro do médico com Emilly Araújo, que não teve um ponto final, mas sim, somente o afastamento dos dois, sem pronunciamento público que o relacionamento tinha chegado ao fim.

Apesar de todas as críticas, houve também muito elogio ao cirurgião plástico e a sua nova namorada. “Entendam que foram todos os participantes desse BBB 17 que tiveram seus erros e como apontar só para um? Isso me dói porque acontecem esses erros de julgamentos com bastantes pessoas perto de nós, dentro da família, pessoas amigas. As pessoas estão se achando no direito de julgar. Isso me dá medo, pois vi muitas vidas serem ceifadas por não terem chance de mostrar a verdade, por uma difamação, e por uma interpretação errada. E o Marcos saiu sem ter o direito de esclarecer e, pior, foi instigado o tempo todo. Me desculpe, tenho medo de julgar ou condenar alguém... não sabemos o dia futuro e podemos ou alguém próximo a nós, passar por semelhante situação. Marcos, siga o teu caminho e nós continuaremos a orar por ti.”, escreveu uma fã do médico. #Marcos Harter