Na manhã desta terça-feira (23), a cantora Ariana Grande decidiu se pronunciar, oficialmente, pela primeira vez sobre o ataque terrorista que ocorreu na noite desta segunda-feira (22) no Reino Unido. De acordo com informações do site R7, o ataque teria causado 22 mortes. Algumas agências falam em 19 falecimentos. Outras 50 pessoas se feriram na tragédia que aconteceu após o show da artista. Após a última música de #Ariana Grande, que fazia um show na Arena Manchester, uma forte explosão foi ouvida do lado de fora do estádio. A profissional da música não se feriu durante o ataque terrorista.

Ariana Grande lamenta mortes após show que terminou com ataque terrorista

Através de seu perfil oficial no Twitter, a cantora de música pop decidiu lamentar tudo o que ocorreu.

Publicidade
Publicidade

Ela disse que estava sem palavras para descrever tudo o que tinha acontecido e mostrar o seu real sentimento diante de uma tragédia como aquela. A mensagem da artista comoveu muita gente. O nome dela e hashtags sobre o que aconteceu no Reino Unido chegaram a ficar entre os assuntos mais comentados do microblog de 140 caracteres. "Despedaçada. Do fundo do meu coração, sinto muito. Não tenho palavras.", escreveu Ariana Grande, que está em turnê.

Artista toma decisão dura em momento difícil

Por conta da tragédia, Grande ainda teve que tomar uma ação dura. De acordo com informações do portal de notícias TMZ, que ficou conhecido por dar em primeira mão a morte do cantor Michael Jackson, a profissional da música decidiu suspender - por tempo indeterminado - os restantes shows que faziam parte da turnê 'Dangerous Woman Tour'. A famosa tinha shows agendados para vários países da Europa, como Bélgica, Inglaterra, Alemanha, Suíça e Polônia.

Publicidade

No entanto, diante dos acontecimentos, tudo deve mudar. Até mesmo os shows que aconteceriam no Brasil, marcados para o fim do mês de junho, agora viraram um incógnita. Ariana Grande faria shows em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Estado Islâmico assume atentado terrorista no Reino Unido

Na manhã desta terça-feira, o grupo terrorista Estado Islâmico decidiu assumir o atentado terrorista que ocorreu após o show da artista. Ainda na noite de ontem, no entanto, a polícia já tratava a situação como possível ataque terrorista. Um homem bomba teria se explodido na saída do show da artista, como mostra a matéria do R7. Já outro homem, de 23 anos, acabou sendo preso, sob suspeita de ter ligação com o atentado. O nome do preso, no entanto, não foi revelado até o momento pelas autoridades do Reino Unido. #Famosos