O #Big Brother Brasil 17 terminou já faz algumas semanas, mas as notícias envolvendo os ex-moradores da casa estão longe de terminarem. A ex-BBB que ficou mais famosa nesta edição do programa foi Emilly Araújo, que venceu o reality show. Com a autoestima elevada, a gaúcha conquistou milhões de fãs em todo o país. Devido a isso, ela sempre mantém as redes sociais atualizadas. Junto com sua irmã, ela posa para fotos em todos os lugares que vai e ao lado das celebridades mais conhecidas da TV Globo.

Mas nem tudo tem sido glamour na vida da nova milionária. Neste sábado pela manhã (13), uma de suas postagens foi bastante criticada pelos usuários das redes sociais.

Publicidade
Publicidade

A ex-BBB gravou um vídeo mostrando sua indignação com os funcionários de uma companhia aérea que não permitiram que ela trocasse de lugar. O vídeo da gaúcha durou somente 15 segundos, mas deu para entender o que estava acontecendo.

#Emilly conta que quando sentou em sua poltrona no avião, percebeu que ela não reclinava. Devido a isso, ela pediu para a aeromoça mudar de lugar e acabou tendo seu pedido negado. Não gostando da resposta, Emilly disse que pagaria por um outro assento, mas nem assim a funcionária permitiu. "De cara com essa companhia aérea. Eu tô numa poltrona que não reclina. Eu fui mudar pra outra e disseram que não dá. Eu disse ‘me dá que eu pago' e não deixaram eu pagar. Tô de cara (sic)”, reclamou ela.

Muitos seguidores do portal UOL, que publicou a notícia, não gostaram do comportamento da gaúcha.

Publicidade

Disseram que os ônibus que ela andava, antes da fama, em Porto Alegre não tinham nenhum conforto e nem por isso ela reclamava.

"Acostumada a sentar em banco de ônibus aqui em Porto Alegre e agora quer reclamar que a poltrona não inclina, por favor, né!”, criticou uma internauta. “Emilly pensa que só porque está com a conta bancária gorda pode sair comprando tudo? As coisas em alguns lugares não funcionam assim não", comentou outro.

Essa não é a primeira polêmica que Emilly se viu envolvida após a fama. Ainda confinada, ela foi protagonista de uma das maiores confusões dessa edição. Além de ganhar a inimizade da maioria dos colegas, ela acabou virando vítima em um caso de agressão.

Marcos, seu ex-namorado, foi flagrado pelas câmeras coagindo violentamente Emilly. Devido a isso, a produção do programa achou por bem expulsá-lo do jogo.

O caso ainda não teve um desfecho. Assim como Emilly, Marcos já teve que comparecer à delegacia para prestar esclarecimentos. A últimas notícias sobre o caso é que Marcos estaria sendo denunciado pelo Ministério Público e poderá ser condenado criminalmente. #EmillyBBB17