Ana Carolina Madeira ficou famosa por ter participado do 'BBB 9'. No reality show, que na época era apresentado pelo jornalista Pedro Bial, a bacharel em Direito tinha uma grande amizade com a Vovó Naná. Oito anos já se passaram e os momentos de felicidade do 'Big Brother Brasil' ficaram no passado.

Agora, Ana Carolina Madeira virou notícia por um assunto triste. Ela foi internada no Centro de Apoio ao Paciente com Câncer do Núcleo Espírita Nosso Lar (NENL – CAPC). A clínica, que ajuda pessoas com câncer, funciona na cidade de Florianópolis, capital de Santa Catarina. É lá que Ana trata um câncer de útero, recém descoberto.

Publicidade
Publicidade

Ela anunciou ao público, ainda na quarta-feira (10), através de uma rede social, que estava doente, mas que aquilo era apenas uma fase e que ela seria vencida. Ainda nessa oportunidade, muitos fãs trataram de mandar mensagens positivas e avisaram, é claro, que estavam com ela durante toda essa batalha, que apenas começou.

Nesta quinta-feira (11), Ana Carolina Madeira deu uma entrevista ao portal de notícias UOL, em que detalhou o grave momento que passa em sua vida. De acordo com a ex-participante do 'Big Brother Brasil', pessoas próximas a indicaram procurar o Centro Espírita que ajuda pacientes com câncer.

"Decidi fazer a cirurgia espiritual porque sou uma mistura de católica com espírita. Minha tia me indicou, falou que era muito bom”, explicou a bacharel em Direito ao do site de famosos.

Publicidade

A ex-BBB informa que deve ficar na clínica que mexe até esta sexta-feira (12). Após isso, ela deve retornar à sua residência, onde o repouso é indicado. Ana explica que na cirurgia espiritual não são feitos cortes em seu corpo, furos ou coisas parecidas. A loira revelou que tudo ocorre através do que chama de indução de energia, ou seja, são os bons fluídos e a fé que ajudam a pessoa a se curar. Isso, é claro, não substitui o método tradicional, que é através de médicos, remédios e tratamentos. Por isso, Ana já tem data para fazer uma cirurgia de retirada do tumor no dia 1º de junho. A família dela já tem um histórico de câncer de mama, por isso, ao ser diagnostica, todos não tiveram tão grande surpresa assim.

A bacharel em Direito conta que descobriu a doença porque decidiu congelar os óvulos. Ela é solteira e está com 33 anos. Preocupada em não poder ter filhos, procurou especialistas e descobriu o diagnóstico. Na entrevista, Ana se mostrou otimista na possível melhora contra a doença em um futuro próximo. #BBB 17