Como acontece em todos edições do #Big Brother Brasil, com o tempo, a maioria dos participantes acabam sendo esquecidos pelos telespectadores. No entanto, aqueles que tiveram uma participação marcante no reality permanecem por um longo tempo na mídia. Dois participantes que conseguiram uma boa visibilidade fora da casa foram os gêmeos Antônio e Manoel. Com bastante frequência, eles são vistos pelos fãs em festas e eventos pelo país.

Além de fazerem bastante sucesso aqui no Brasil, os gêmeos foram "exportados", para o reality da Espanha, onde Antônio viveu momentos quentes com Alyson. Manoel também aproveitou muito a casa do "Gran Hermano", no entanto ele não chegou a ficar com ninguém.

Publicidade
Publicidade

O gêmeo decidiu esperar por Vivian, com que iniciou um romance aqui no Brasil e seguem juntos até hoje.

Em meio a vários compromissos ao lado do irmão, Manoel foi obrigado a fazer uma pequena pausa para cuidar da sua saúde. O rapaz foi flagrado em um hospital de Vitória recebendo atendimento médico. Segundo o site de notícias "Extra", o gêmeo se sentiu mal após uma refeição. Eles informam que Manoel teve uma intoxicação alimentar ao comer comida japonesa e, por isso, teve que ser levado às pressas para o hospital. "Senti dor no corpo, febre e fiquei em casa de molho", explicou Manoel, que já está recuperado.

Antônio e Manoel estão entre os ex-BBB's que mais têm trabalhado depois do programa. Segundo algumas fontes, os gêmeos têm cobrado cerca de R$ 5 mil por evento que comparecem. Além desse valor, eles também recebem muitos presentes de fãs e patrocinadores.

Publicidade

Antônio e Manoel também trabalham por permuta, que a troca do serviço por algo de valor.

A namorada de Manoel, Vivian Amorim, também tem recebido bastante proposta de trabalho. Frequentemente, ela posta nas redes sociais fotos e vídeos de eventos que participa. O cachê da manaura é praticamente o mesmo dos gêmeos. Ela cobra de R$ 5 mil a R$ 7 mil reais por presença VIP.

Emilly está um pouco mais seletiva que os outros. Para comparecer a eventos, ela tem cobrado aproximadamente R$ 10 mil. No entanto, segundo alguns sites, ela não tem sido tão requisitada quanto parece. No entanto, é fato que ela está investindo bastante em sua carreira artística. Com intenção de conseguir algum trabalho no Rio de Janeiro, Emilly alugou um apartamento por R$ 11 mil reais mensais. Além disso, ela contratou para cuidar da sua carreira a mesma equipe que trabalha para o humorista Paulo Gustavo.