No último domingo, #Fausto Silva acabou fazendo um trocadilho com a dupla #Bruno e Marrone, o que acabou ocasionando um climão na entrevista que rapidamente chamou a atenção dos telespectadores.

Em uma conversa descontraída com a dupla, Fausto, que já é conhecido por seu modo direto de entrevistar, fez uma crítica sobre o sapato do cantor Marrone. Ele estava calçando um modelo feito de couro.

Fausto Silva acabou fazendo uma brincadeira dizendo que caso Marrone passasse pelo IBAMA, seria preso na mesma hora por causa de seu sapato.

Segundo Faustão: “Isso é coisa de lava jato”

O que acabou chamando a atenção foi o que Fausto disse após a brincadeira.

Publicidade
Publicidade

Após anunciar o novo sucesso da dupla chamado "Enquanto eu brindo, cê chora", o apresentador aproveitou para fazer um trocadilho sobre a atual Operação Lava Jato. Fausto disse que o nome da música seria "coisa da Lava Jato", pois enquanto alguns brindam, outros choram.

Foi possível perceber que Bruno ficou um pouco constrangido com a brincadeira. Para não perder a oportunidade, o cantor aproveitou para dar uma resposta à altura dizendo que "era melhor ficar quieto".

Toda essa confusão começou devido a amizade do cantor Bruno com Joesley Batista, que é um dos empresários da JBS, principal responsável pelas delações que estão abalando o cenário politico nacional. A dupla cantou no casamento de Joesley e também fez uma apresentação na mansão do casal em Angra dos Reis.

Bruno rapidamente "fechou a cara" depois da brincadeira, e o apresentador ainda aproveitou e fez outra pergunta, que acabou sendo retrucada pelo cantor.

Publicidade

Faustão não parou por aí, dizendo que Bruno nem ao menos sabia se o compositor era senador ou deputado. Todo esse "climão [VIDEO]" acabou sendo percebido pelos telespectadores, que rapidamente comentaram sobre o assunto nas redes sociais.

Alguns acharam que foi exagero de Fausto Silva usar um momento delicado, sabendo que Bruno era amigo de um dos investigados da Operação. Já outros não viram maldade alguma na brincadeira e consideraram apenas mais um trocadilho dos inúmeros feitos pelo apresentador do 'Domingão do Faustão". Entrevistas como essa geralmente colocam os convidados em situações constrangedoras, muitas vezes, uma simples brincadeira acaba magoando profundamente.

Afinal, as palavras machucam mais do que qualquer tipo de ferida. O Brasil claramente está enfrentando um momento delicado, mas, com certeza, com força e honestidade todos os brasileiros irão vencer mais essa batalha. #Faustao