O vazamento do depoimento de #Emilly Araújo, vencedora do Big Brother Brasil 17, dado à Divisão de Polícia de Atendimento à Mulher, de fato, vazou nas redes sociais e não podia ter acontecido isso, pois, como todos sabem, o caso segue em segredo de Justiça e era sigiloso. Quando o documento foi visto nas redes sociais e comentado por milhões de pessoas, surgiu uma nova pergunta: quem vazou o depoimento dado por Emilly? Marcia Noeli, que é a chefe da Divisão, também confirmou que o vazamento era do documento oficial do caso, vazado na última terça-feira, 2. De acordo com o portal UOL, somente os advogados de Emilly e de Marcos Harter sabiam e tinham acesso ao texto do documento, além, é claro, da própria delegada.

Publicidade
Publicidade

De acordo com Renato Darlan, advogado da gêmea, o vazamento do texto é um absurdo que não pode ficar impune. Ele ainda diz que está tomando as devidas providências para que os culpados pelo vazamento sejam devidamente punidos. Como somente os advogados da estudante e os advogados do cirurgião plástico sabiam, junto do réu e da vítima do que estava contido no texto, há uma boa porcentagem de suspeita de que o vazamento possa ter saído de algum dos dois lados. Além disso, há também que se considerar que a Divisão de Polícia de Atendimento à Mulher no Rio de Janeiro também tinha acesso ao documento, antes de ser vazado. Portanto, enquanto não sai uma confirmação sobre quem vazou o caso, boa parte das suspeitas giram em torno dos advogados dos ex-BBBs e do local onde ela prestou o depoimento.

Publicidade

“Nós entendemos que para alguém é interessante esse vazamento. Para Emilly não faz sentido, já que o que ela mais quer é esquecer e seguir sua vida.”, conta Renato Darlan, advogado de Emilly. Ele confirma que vai continuar em busca dos verdadeiros responsáveis por ter vazado o documento que era sigiloso.

Enquanto isso

Emilly já deixou de viver em sua cidade natal no Rio Grande do Sul, em Eldorado do Sul, e se mudou para a cidade do Rio de Janeiro e atualmente vive em um apartamento alugado com a sua irmã Mayla e também o seu pai Volnei Alves – que inclusive fez um vídeo em seu Instagram perguntando sobre o sucesso de suas filhas. A gêmea também já assinou a renovação do contrato com a Globo para trabalhar na emissora até janeiro do ano de 2018, e também aguarda por um provável chamado da emissora para que ela participe da nova temporada da novela “Malhação”, que começa no início desse mês de maio e tem um tema voltado para algo que ela viveu enquanto participava do Big Brother Brasil de 2017: a violência contra a mulher. #bbb17 #BBB Big Brother Brasil