#13 Reasons Why é uma série americana que atualmente está sendo muito polemizada.

A série, que gira em torno de uma estudante que acaba cometendo suicídio depois de sofrer várias coisas, resolve contar em 13 fitas cassetes o motivo pelos quais ela resolveu tirar a própria vida.

O série que é produzida baseada em um livro de Jay Asher foi adaptada para a #Netflix por Brian Yorkey, e teve Selena Gomez como produtora executiva.

Nas redes sociais, muitos comentários surgiram sobre o seriado, por abordar um assunto polêmico.

O elenco, que é formado na maioria por adolescentes, entre 16 a 18 anos, ganhou o público, que espera uma nova temporada, que segundo a roteirista, ainda acontecerá.

Publicidade
Publicidade

Alguns atores, em entrevista ao The Hollywood Report, comentaram sobre como seria a 2ª temporada, confirmando assim uma nova história que o público aguarda ansiosamente pela estreia.

Mas você saberia dizer qual é a verdadeira idade de alguns dos atores na vida real? Provavelmente você não iria acertar.

Confira:

1) Dylan Minnette: no papel de Clay Jensen, foi um dos principais, o que praticamente contou a história de Hannah no seriado. Ele nasceu no dia 29 de dezembro de 1996. Hoje tem 20 anos.

2) Katherine Langford: mais conhecida por interpretar Hannah Baker na série, nasceu em 29 de abril de 1996. Tem 21 anos.

3) Miles Heizer: seu personagem era Alex Standall na série.

Publicidade

Nasceu em 16 de maio de 1994. Tem hoje 22 anos.

4) Ross Butler: o zach Dempsey, um dos personagens marcantes na série. Nasceu em 17 de maio de 1990. Tem 26 anos.

5) Brandon Flynn: seu personagem foi Justin Foley, que namorava Jessica Davis, um dos papéis marcantes na série. Brandon nasceu no dia 11 de outubro de 1993. Tem 23 anos.

6) Alisha Boe: a Jessica Davis, que era uma das amigas de Hannah, no começo da série. Nasceu no dia 6 de março de 1997. Tem atualmente 20 anos.

7) Justin Prentice: seu personagem foi Bryce Walker, também um personagem forte na série. Ele nasceu no dia 25 de março, e tem atualmente 23 anos.

As polêmicas sobre o seriado tem cada dia mais ganhado espaço na mídia.

Publicidade

Após ser lançado no Brasil, não demorou muito para que alguns órgãos, como, o Caop-CAE, do Ministério Público da Paraíba fizessem suas recomendações quanto à série.

A produtora de justiça 'Soraya Escorel' alerta que o seriado não deve ser visto por crianças e também adolescentes. Segundo ela, algumas cenas são muito impactantes.

Apesar de abordar assuntos delicados como: estupro, suicídio, o bullying, alguns países chegaram a proibir sua exibição, como aconteceu no Canadá e na Nova Zelândia, conforme informa o site 'adorocinema'. #Seriados