O cantor de pagode Belo e sua esposa, #Gracyanne Barbosa, uma das mais famosas fisiculturistas do Brasil, estão encarando inúmeros problemas financeiros. A bola de neve em que o #Cantor Belo e a Gracyanne estão se envolvendo é grande e já não é de hoje.

Suas #Dívidas começaram a vir a publico em 2012, onde apresentava cerca de R$ 88 mil em pagamento atrasado a sua arquiteta, que havia cuidado da reforma de sua mansão. A arquiteta Graça Arantes também afirmou ter recebido cheques sem fundos da Gracyanne.

Em agosto de 2015, o casal se viu sem solução para suas pendências financeiras, tendo que apelar para a realização de um leilão com alguns de seus móveis e objetos.

Publicidade
Publicidade

Em abril deste ano, Belo foi cobrado novamente, porém, desta vez, pelo ex-jogador da Seleção Brasileira Denilson, que usou diversas vezes as redes sociais para cobrar o cantor.

Belo está sendo muito criticado nas suas redes sociais por internautas que ironizam a situação na qual ele se encontra, pedindo para que o pagodeiro pague suas dividas. Agora, novamente Belo mergulha em uma nova dívida com sua proprietária do imóvel na qual ele aluga em um bairro de luxo em São Paulo, conhecido como Jardins.

A proprietária afirma a falta de pagamento do imóvel de R$ 30 mil por mês. Como o contrato do imóvel foi assinado em maio de 2016 pelo casal, a dívida agora já se encontra em R$ 215 mil, segundo a dona.

Mas Belo contra-atacou e, por meio de sua advogada, Vivian Campos, afirma que quando assinaram o contrato de 12 meses, ele havia deixado pago antecipadamente seis meses e mais uma caução de três meses.

Publicidade

Explicou também que o valor do aluguel estava em negociação para que tivesse uma diminuição para R$ 10 mil. Enquanto a negociação estava em andamento, foi descontando do dinheiro da caução que já havia deixado pago.

A advogada de Belo diz ter os comprovantes das transferências dos pagamentos, mas a proprietária alega que o cantor não paga o aluguel desde outubro, pagando quando e quanto quer, deixando assim de cumprir com o contrato estipulado. O casal também deixou a desejar os pagamentos do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) do imóvel, deixando a proprietária no prejuízo, pois o imóvel se encontra no nome dela.

Já Belo afirma que o imposto atrasado já foi devidamente parcelado e pago por ele. Com o acúmulo de dívidas do aluguel, o pagodeiro e Gracyanne Barbosa correm o risco de serem despejados do imóvel, mas ele está tentando recorrer por meio de seus advogados.