Depois do ato de intolerância de Bruno Gagliasso, ator da Globo que se recusou a sentar ao lado de Jair #bolsonaro (PSC-RJ), durante o UFC Rio de Janeiro, realizado na Arena da Barra da Tijuca, no sábado (3), o parlamentar foi atacado por outro artista, nesta segunda-feira (5).

Em entrevista à TV Folha, do jornal Folha de S. Paulo, o cantor Junior Lima, filho de Xororó e irmão de Sandy, com quem fez dupla na infância e parte da adolescência, criticou Bolsonaro.

“Dá medo de ver Bolsonaro querendo ser presidente, não é possível o discurso de ódio que esse cara tem. Discurso de ódio não vai me convencer nunca, porque não é por aí.

Publicidade
Publicidade

A opção sexual do outro cara é diferente da minha então eu tenho que odiar ele (sic). Que coisa mais estúpida”, comentou o músico.

“Está te faltando problema de verdade. Ou então você precisa olhar para você mesmo que na verdade você está com vontade de ser igual a ele (homossexual)”, continuou Junior.

O cantor ainda falou que antigamente tinha medo de desagradar as pessoas com as suas opiniões e hoje não se preocupa mais com isso. O vídeo de pouco mais de seis minutos foi publicado no site da Folha.

Além de política, Junior falou sobre sua carreira, seus relacionamentos pessoais e a depressão que se revelou para ele em crises de pânico. A publicação do vídeo na página da Folha no Facebook levou seguidores de Bolsonaro a criticar o irmão de Sandy.

Jair Bolsonaro

O deputado federal e pré-candidato à Presidência da República é querido por milhões de pessoas e odiado por muitos outros.

Publicidade

Nas pesquisas de intenção de votos para as eleições de 2018, Bolsonaro aparece repetidamente na segunda posição, com grande chance de ir ao segundo turno do pleito presidencial.

O parlamentar é bastante presente nas redes sociais, onde é seguido por mais de quatro milhões de pessoas no Facebook. Vídeos, imagens e textos postados por Bolsonaro viralizaram com certa facilidade alcançaram milhões de internautas.

Recentemente, Bolsonaro deu entrevista ao “Programa do Ratinho”, “ao The Noite”, apresentado por Danilo Gentili, e ao “Conexão Repórter”, do jornalista Roberto Cabrini, todos no SBT.

O político está cada dia mais em alta e polêmicas como as causadas por #Junior Lima e por Bruno Gagliasso só alimentam sua popularidade e tornam sua candidatura ainda mais forte, apontam seguidores de Bolsonaro.

Nos próximos meses, ele deve deixar o partido onde para buscar uma nova legenda para se candidatar em 2018. #Polêmica