O sertanejo brega da sofrência e o forró tradicional de #São João estão em pé de guerra. E essa guerra declarada ganhou mais um capítulo nesta terça (13). O tradicional forrozeiro #alcymar monteiro disparou sua 'metralhadora giratória' e atacou veementemente #Marília Mendonça. A briga foi iniciada por Elba Ramalho e Marília Mendonça e ganhou repercussão nacional. Tudo se deu por conta de Elba Ramalho ficar sabendo que a sertaneja seria uma das atrações do maior São João brasileiro, aquele que acontece em Campina Grande. Marília não é a única sertaneja no evento e se apresentará no sábado (24), após Vicente Nery, Capilé e Forró 3x4. Já Elba se apresentará no dia anterior.

Publicidade
Publicidade

Uma legião de outros sertanejos marcaram presença também, mas Marília acabou herdando a bronca.

A alegação de Elba vai na linha de: 'devolvam o São João ao Nordeste', ou seja, que o São João seja uma festa do forró e das tradições nordestinas. Mas, na visão de Marília Mendonça, quem manda é o público e se existem inúmeras atrações do gênero no evento é porque o público pede e gosta. A sertaneja ainda lamentou a desunião da música no país e ressalta que dentro de seu gênero, os músicos são mais unidos. Ela também mandou um recado indireto para Elba Ramalho: 'Vai ter sertanejo sim [no São João de Campina Grande]', cutucou a cantora.

Bronca de Alcymar Monteiro: "música horrorosa, porcaria e pra cachaceiros"

Por conta de toda a polêmica, o forrozeiro tradicional no nordeste, Alcymar Monteiro, resolveu se pronunciar de forma incisiva, e em áudio, que posteriormente ele confirma a autoria, garante apoio à Elba e detona Marília.

Publicidade

Ao longo do áudio, o representante do forró diz que a sertaneja não tem autoridade para falar nada, que o breganejo é horroroso, porcaria e música de cachaceiro e manda Marília cantar em Goiás, onde seria o lugar da cantora. Ele também demonstra ressentimento, dizendo que ela 'pode' cantar no nordeste, mas, em Goiás os sertanejos não deixam o forró entrar.

Um outro trecho polêmico do áudio diz: “Eu vou baixar o nível, viu?! Não venha aqui no nosso terreiro querer cantar de galo, não, viu? Aqui quem canta de galo é galo, galinha aqui não canta.", numa associação interpretada por internautas como machista.

Então ele finaliza o áudio com um sonoro: 'Vão se danar'.

Alcymar se defende de acusação de machismo

Depois da acusação de machismo, Alcymar usou seu Facebook para se defender. Ele disse que abomina o machismo e se disse um homem feminista.

Ouça o áudio na íntegra do forrozeiro Alcymar Monteiro atacando Marília Mendonça, para tirar suas próprias conclusões.