Na Rede #Record desde novembro de 2005, a atriz #Paloma Duarte já protagonizou diversas novelas na emissora, entre elas 'Luz do Sol', 'Máscaras', 'Poder Paralelo' e 'Pecado Mortal'. Agora, a atriz terá que pagar uma multa para a Record após ser condenada na Justiça.

Em uma ação trabalhista que protocolou contra a emissora, Paloma Duarte perdeu o primeiro julgamento. Segundo a juíza que atua no caso, Najla Rodrigues Abbude, os questionamentos de Paloma são "improcedentes" e, com isso, a moça terá que pagar uma multa de R$ 2 mil. A atriz entrou na Justiça pedindo que fossem anulados contratos que assinou com a Record através de uma empresa que atua como sócia.

Publicidade
Publicidade

Dessa forma, Paloma teria direito a multas, horas extras e reajustes salariais. A indenização poderia chegar a ser R$ 2 milhões.

Paloma explicou na Justiça que quando resolveu assinar o contrato com a emissora, em 2015, não sabia que estava assinando como pessoa jurídica, e só após firmar o contrato é que se deu conta disto. A decisão da juíza não favoreceu a atriz. Abbude detectou que a empresa na qual Paloma é sócia foi fundada em 2001, e por essa questão não teria como Paloma "ser obrigada" a assinar um contrato como pessoa jurídica se ela já estava sendo sócia da "Amigos do Almeida Produções Artísticas".

A juíza foi enfática e disse que Paloma é uma atriz com grande renome, que já recebeu vários prêmios, ao contrário de um trabalhador hipossuficiente. Então, a atriz teria total condições de assinar um contrato, entendendo, de fato, o que estava assinando, e firmando acordo entre as partes.

Publicidade

Um outro pedido feito pela atriz a Justiça também rejeitou. Paloma Duarte queria receber o pagamento de direitos conexos à respeito de novelas que já participou atuando. Segundo a opinião da Justiça, a Rede Record teria quitado esses direitos.

Voltar para a Rede Globo

Paloma Duarte está tentando negociar com a Rede #Globo para uma volta. O retorno estaria previsto para acontecer a partir do Canal Multishow. Paloma participará, ao lado de Rafinha Bastos, do elenco de "Eu, Ela e Um Milhão de Seguidores". As gravações estão previstas para iniciar no mês de agosto desde ano.

Outros atores da Rede Record também foram atrás da Justiça para garantir seus Direitos Trabalhistas. Entre eles está o marido de Paloma, Bruno Ferrari. Entre os que conseguiram êxito em processos estão Íris Bruzzi e Cecil Thiré.

Os atores Leonardo Brício e André Segatti também estão correndo atrás de seus direitos.