Nesta segunda-feira (4), a Vara da Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher do Tribunal de Justiça de São Paulo condenou o empresário e ex-marido de #Luiza Brunet Lírio Perisotto, com um ano de serviços comunitários pela #agressão física feita a atriz em maio do ano passado. O pedido dos advogados de Luiza é que Perisotto cumprisse pena em regime aberto, o que o obrigaria a ter horários estabelecidos pela Justiça para sair de casa.

Porém a juíza Elaine Cristina Monteiro Cavalcanti, que cuidou do caso, descartou esta possibilidade por bons antecedentes e boa conduta do empresário. A suspensão do regime aberto está condicionada à boa colaboração do réu, que se compromete em se apresentar sempre que possível ao Cartório de Justiça a fim de comprovar residência e trabalho regular.

Publicidade
Publicidade

Em maio do ano passado, Luiza foi agredida pelo ex-companheiro durante uma viagem a Nova Iorque, nos Estados Unidos. Na época, além de lesões no olho esquerdo, a atriz também se queixou de quatro costelas quebradas.

O caso, que teve repercussão nacional fez com que a atriz recebesse o apoio dos fãs e de mulheres que constantemente são agredidas pelos seus companheiros. Na mesma noite em que saiu a sentença, Luiza emitiu uma nota em seu Twitter agradecendo o apoio que recebeu durante o processo e afirmou que vai continuar se dedicando no combate à violência doméstica.

Ainda na segunda-feira, o advogado da atriz, Pedro Egiberto de Fonseca, revelou que não leu a íntegra da sentença, mas garantiu que assim que possível vai se inteirar e decidirá se recorre ou não, apesar de se sentir satisfeito com a sentença.

Publicidade

Já o advogado de defesa do réu, Celso Vilardi, emitiu nota afirmando que vai recorrer da decisão judicial. Para ele, o seu cliente deve ser absolvido.

Um pouco sobre Luiza Brunet

Luiza é uma ex-modelo renomada, que ganhou destaque e fama quando se tornou modelo exclusiva da marca de calças Djon. Ela também foi capa de várias revistas masculinas nos anos 1980.

Mãe da atriz Yasmin Brunet, que recentemente desistiu da carreira, e Antonio, Luiza não teve muitos papéis longos em telenovelas. Sua carreira se solidificou de fato com campanhas publicitárias e passarelas. Sua notoriedade se deu graças a participações especiais em filmes nacionais, e também ao lado do veterano Renato Aragão, no filme "Os trapalhões e o Rei do Futebol".

Em 2013 Luiza foi pedida em casamento por Perisotto, dono da "Vídeo Lar", separaram-se em 2014 e reataram em 2015. Porém, se separaram novamente em 2016 por conta da agressão sofrida por Luiza Brunet em Nova Iorque. #Lirio Perisotto