O ex-#BBB #Marcos Harter e a ex-BBB Íris Stefanelli, que participou da sétima edição do reallity, foram vistos curtindo uma festa que aconteceu no último sábado (24), em um hotel da cidade Jericoacoara, no estado do Ceará. Após Marcos postar a foto com Íris, no Instagram, os seguidores logo aprovaram e torceram para um possível relacionamento entre os dois.

Os fãs que seguem Marcos no Instagram bombardearam de comentários a favor de um romance entre os dois, mas ele descartou a possibilidade ao dizer que é apenas amizade e que eles se conheceram em um evento feito por um amigo em comum.

Marcos aparece com novo affair em selfies no elevador

Há pouco tempo circulou na internet fotos do ex-BBB Marcos com uma garota chamada Bárbara.

Publicidade
Publicidade

As fotos foram tiradas em frente a um espelho dentro de um elevador, e em uma eles aparecem se beijando. Isso foi uma grande decepção para os fãs que, na época, torciam para que ele e Emilly, campeã do BBB17, voltassem a namorar, após o término ainda dentro do reality.

Marcos e Emilly no BBB17

Marcos e Emilly viveram um romance que começou durante o reality. Esse relacionamento foi intenso e um tanto conturbado, pois havia muitas discussões entre os dois. Muitos fãs apoiaram o namoro deles, entretanto, o fim desse relacionamento acabou de forma não pacífica. Perto de terminar o programa, o casal teve uma briga feia, e Marcos acabou sendo acusado de agressão física, sendo expulso do reallity.

Essas agressões foram confirmadas pela equipe do programa que fez um exame de corpo de delito, e, por imagens das câmeras de dentro da casa, foi constatado que havia acontecido as agressões, pois tinha marcas roxas nos braços de Emilly Araújo.

Publicidade

Após o ocorrido, Marcos foi chamado para um local onde a equipe do reality conversou e deu a notícia de que ele seria expulso da casa por agressão, que é algo que não pode ser cometido dentro do reallity.

Marcos responde por violência doméstica

Assim que o cirurgião plástico saiu da casa mais vigiada do Brasil, foi intimado para responder na Justiça por agressão à mulher, na Delegacia Especial de Atendimento a Mulher, na qual foi aberto um inquérito de apuração dos fatos. Em depoimento, Marcos disse que não tinha a intenção de machucar Emilly.

O Ministério Público do Rio fez uma denúncia contra o cirurgião plástico, por lesão corporal, e ficou à disposição da Justiça acatar ou não a denúncia, e abrir um processo contra ele.