Um caso que mobilizou o público teve mais um encaminhamento nesta segunda-feira, 5. O empresário bilionário #Lírio Parisotto foi condenado a um ano de prião, em regime aberto, pela agressão à #Luiza Brunet. A juíza que pronunciou a sentença, Elaine Cristina Monteiro, também condenou o bilionário a um sistema de vigilância por dois anos. A prisão, na verdade, será convertida em serviços comunitários, por 12 meses.

Os advogados do empresário não concordaram com a condenação e já garantiram que irão recorrer da sentença. Já Luiza Brunet [VIDEO]falou em rede social sobre a solidariedade das pessoas, que se sensibilizaram com seu caso.

Publicidade
Publicidade

Ela diz que tinha antes vergonha e medo, e hoje tem certeza que vale à pena combater a #Violência contra a mulher. Finaliza sua postagem na rede social (feita por sua assessoria) dizendo que ela sempre esteve do lado da verdade.

Qual é a acusação de Luiza Brunet contra Lírio Albino Parisotto?

A modelo Luiza Brunet, 54, alegou na época que havia sido agredida. Além de hematomas no corpo e rosto, ainda teve costelas quebradas pelo companheiro. O caso aconteceu em Nova York, nos EUA, no dia 21 de maio de 2016. Após as agressões, Luiza se separou do bilionário e voltou a morar no Brasil. Com Lírio, Brunet vivia em uma união estável.

Lírio, em sua defesa, na época, alegou que a visão que a mulher queria passar para o público era distorcida e que a verdade seria provada nas esferas legais. Segundo o Ministério Público de São Paulo, além da condenação em primeira instância, o empresário de 62 anos ainda deverá manter-se distante e sem contato com a ex-companheira.

Publicidade

As medidas protetivas foram pedidas pelo MP/SP logo na época da violência e continua agora.

Segundo o empresário, ainda, Brunet também havia o agredido em um passeio de lancha no último ano, o qual lhe causou um ferimento que precisou de 10 pontos no hospital. Na época, o empresário decidiu não dar queixa do caso à polícia.

Quem é Lírio Parisotto

O empresário é um dos homens mais ricos do Brasil. Estima-se, segundo a revista Forbes [VIDEO], que Lírio tenha um patrimônio de mais de U$1 bi e ocupa a 28ª posição de homem mais rico do país. Segundo ainda a publicação, Lírio teria feito fortuna, principalmente, no mercado de ações, ou seja, a Bolsa de Valores brasileira.

Gaúcho, com 62 anos, também ocupa uma posição importante no planeta. Ele está entre os 600 homens mais ricos do mundo. Entre os negócios conduzidos por ele, está 25% da RBS em Santa Catarina (ele vendeu a maior participação para um grupo de empresários). Além disso, explora o ramo petroquímico. Também é suplente de senador.