Morreu, nesta quarta-feira (7), o jornalista Rodrigo Albornoz. Ele tinha 30 anos de idade e estava com a família, no estado do Rio Grande do Sul. Albornoz lutava contra um grave câncer. O repórter comemoraria os seus 31 anos nesta sexta-feira (9).

Ele trabalhava na cobertura esportiva do SporTV, gravando também algumas reportagens especiais para os programas de esporte da Globo. Ele entrou no canal a cabo através do projeto ‘’Passaporte SporTV’’, que leva jovens estudantes para terem um chance de trabalho no exterior. No ano passado, ele trabalhou no ‘’Canal Campeão’’, cobrindo as disputas do boxe na Olimpíada do Rio de Janeiro.

Publicidade
Publicidade

Repórter Rodrigo Albornoz morre de câncer e SporTV faz despedida

O SporTV lembrou ao longo de sua programação o profissionalismo e sensibilidade de seu contratado. Rodrigo teve papel importante, por exemplo, levando para os telespectadores do canal a cabo da Globo a emoção pela medalha de ouro conquistada pelo brasileiro Robson Conceição.

Jornalista de grande sensibilidade e de sorriso fácil, Albornoz deu mostras de grande otimismo e superação ao enfrentar o câncer.

Amigos e fãs se despedem do jornalista Rodrigo Albornoz, morto aos 30 anos

Assim que a morte do famoso foi confirmada pelo SporTV, muitos fãs e amigos utilizaram as redes sociais para se despedirem do importante nome da televisão. O nome de Rodrigo chegou a ficar entre os temas mais comentados do Twitter. Isso se perdurava até a manhã desta quinta-feira (8).

Publicidade

O jornalista e blogueiro Alexander Grunwald também se pronunciou através das redes sociais para falar a respeito do episódio. Ele indica que a perda de Albornoz foi muito grande. Alexander define o colega como pessoa incrível e pede que sua passagem ocorra em plena paz.

Algumas pessoas próximas ao profissional pediram energia, revelando que ele era uma pessoa muito especial e que foi embora em plena juventude.

Um amigo do jornalista, o repórter Chico Garcia, utilizou sua página oficial no Twitter para falar a respeito do falecimento. Ele disse que a perda do colega era um evento chocante e que Rodrigo sempre foi uma pessoa muito boa e formidável.

Publicidade

"Não dá para entender", disse Chico Garcia no microblog de 140 caracteres.

Abaixo, um dos telespectadores do SporTV fez questão de compartilhar uma imagem do repórter em pleno trabalho. Ele lembra que muitos cientistas procuram a cura para algumas doenças, mas que até agora essa não foi encontrada.

Deixe o seu comentário. Ele é sempre importante. #Luto #RodrigoAlbornaz #Morte