#Paola Carosella é uma mulher forte, independente e reconhecida mundialmente pelo talento que possui na gastronomia. Se você é fã do programa MasterChef. da Band, e acompanha um pouco que seja da vida desses superchefs, tenho certeza que também pensa dessa forma.

Entretanto uma pequena palestra dada há alguns dias revelou fatos muito difíceis que ela precisou enfrentar ao longo de sua vida. A palestra foi a "Day 1", dada no dia 6 passado, na Endeavor Brasil.

"Day1" é uma palestra voltada ao público de empreendedorismo. Pelo palco já passaram nomes como Jorge Paulo lemman (Ambev), Flávio Augusto da Silva (Wise Up), Robinson Shiba (China in Box), entre outros grandes nomes do empreendedorismo nacional.

Publicidade
Publicidade

Ali eles contam qual foi o dia 1 de sua vida empreendedora, ou seja, qual foi o dia "D" deles, o dia em que eles decidiram se tornar tudo aquilo que são hoje.

A história

Para surpresa de muitos, o "Day 1" de Paola aconteceu há apenas quatro anos. "Eu tinha 40 anos, estava no Brasil há 12, tinha uma filha de 2 anos. Eu tinha um restaurante falindo, tinha um relacionamento quase falido e estava mergulhada no cheque especial. Um dia voltei do restaurante, fui até o quarto da minha filha e fiquei olhando para ela enquanto dormia. Por volta da meia-noite, desci ao meu escritório, sentei à mesa e, com as mãos em minha cabeça, comecei a chorar desesperadamente."

Segundo a Paola, esse momento foi crucial, pois fez com que parasse para pensar o porquê estava naquela situação. "Eu não era feliz e não estava levando a vida que eu queria para mim", disse.

Publicidade

Projeção

Aquele momento levou Paola a pensar o que poderia fazer para mudar tudo aquilo que estava acontecendo. Foi naquele momento que ela fez uma projeção de dois anos para o futuro.

Outro ponto chocante foi quando a Chef faz menção a sua infância. "Eu tive uma mãe incrível, muito forte, super empreendedora, linda, inteligentíssima, que trabalhou muito a vida inteira e estudou muito a vida inteira, mas foi sempre muito triste", contou. Emocionada, a Chef completa dizendo que "quando ela não estava em casa trabalhando ou estudando, ela não estava em casa por que estava trancada no quarto ficando triste."

Paola passou grande parte de sua infância e adolescência sozinha e solitária. Foi quando ela se deu conta de que a gastronomia seria a única coisa que poderia lhe resgatar da solidão.

Sozinha

Paola perdeu a mãe quando tinha 26 anos. Ela também faz menção ao seu pai que, segundo ela, faleceu muito cedo, dois anos após perder a mãe, quando ela tinha apenas 28 anos. "Eles não tiveram a oportunidade de ter um "Day 1" eles morreram de tristeza", afirmou.

Publicidade

Após esse fato, Paola recebe uma herança e é aí que começa sua trajetória empreendedora de fato. Com muitos altos e baixos na carreira, a chef fala sobre sociedades que não deram certo, restaurantes que quebraram e outras dificuldades que só quem é empreendedor pode entender.

Veja o vídeo abaixo e passe a admirar muito mais essa mulher, que não é só uma apresentadora que fica degustando pratos em um programa de culinária. Paola Carosella é uma vencedora admirável que precisa ser tomada como exemplo positivo em nosso país.

Com uma resiliência incrível, essa mulher conquistou tudo aquilo que um dia sonhou e, ainda por cima ,conquistou a admiração de uma país inteiro. Clique no link e leia mais sobre o programa que a Paola Carosella terá ainda este ano na Band.

Veja o vídeo da palestra da chef:

#2017 #Masterchef