#Fátima Bernardes decidiu falar finalmente sobre a maior decisão da sua vida profissional que, nesse momento, a afastou do seu trabalho ao lado de #William Bonner, no comando do “Jornal Nacional”. Tal como informa o site do portal “UOL”, no programa de ontem do “Domingão do Faustão”, a apresentadora do programa matinal da Globo explicou porque decidiu deixar o jornalismo, depois de tantos anos de trabalho, para investir todo o seu tempo na área do entretenimento, onde recentemente alcançou muito sucesso com o “Encontro”. “Eu estava muito feliz, mas queria um desafio que me deixasse feliz daqui a uns 10 anos, e meu medo era de uma acomodação”, confessou, muito abertamente, a experiente apresentadora.

Publicidade
Publicidade

De fato, desde que um dos casais mais adorados do Brasil anunciou o seu término, em agosto do ano passado, muitos rumores acerca do verdadeiro motivo para o término do casamento de William Bonner e Fátima Bernardes surgiram, sem que nada tivesse sido confirmado. Porém, ficou sempre em dúvida como a decisão de Fátima de abandonar o jornalismo e ter deixado Bonner “sozinho” no “Jornal Nacional” não foi crucial para que o casamento tivesse esse fim inesperado e que entristeceu a maior parte do público brasileiro.

"Pensei bem durante cinco anos, mas, a hora que decidi não tinha mais dúvidas. Você (Faustão) que botava isso na minha cabeça, dizendo que eu tinha de fazer um programa”, informou Fátima Bernardes, durante o programa do seu bom amigo, como garante o site do portal “UOL”.

Publicidade

Além desse desabafo, Fátima garantiu que sentia que já tinha feito tudo o que queria no jornalismo e que temia que, daqui a poucos anos, pudesse se arrepender de não ter aproveitado a oportunidade para se arriscar no entretenimento.

De relembrar que, ainda por causa dos rumores acerca do motivo do divórcio, vários órgãos de comunicação social afirmavam que William Bonner também não teria ficado muito feliz quando percebeu que, quando Fátima deixou o jornalismo, ficou com um salário muito superior ao do âncora. Isso, sem considerar os contratos publicitários milionárias que ela assinava com várias empresas, algo que não é permitido a um jornalista da emissora fazer, sobretudo por causa de questões de ética e credibilidade [VIDEO]. Devido a essas diferenças de salários no jornalismo e no entretenimento, as especulações de que Bonner estaria pensando em deixar o “Jornal Nacional” para se arriscar em um programa bem diferente estão ganhando cada vez mais força. #Rede Globo