#Justin Bieber é um dos cantores de maior sucesso mundial do momento. O canadense, que ficou conhecido no mundo todo a partir do videoclipe da #Música “Baby”, virou uma febre mundial. De lá para cá seu sucesso só aumentou. Justin Bieber [VIDEO] é considerado referência na música e possui videoclipes que ultrapassam os bilhões de visualizações, uma marca para poucas pessoas no mundo.

Seus shows sempre atraem multidões e alguns fãs chegam a ficar meses na fila para pegar o melhor lugar, como já aconteceu no Brasil nas ocasiões em que Justin Bieber fez apresentações no país. As últimas delas foram em abril e maio deste ano.

Publicidade
Publicidade

Em meio a toda essa fama, uma notícia abalou os fãs do mundo todo e pegou de surpresa cantores e pessoas da mídia. Justin Bieber anunciou inesperadamente, nesta segunda-feira (24), o cancelamento de sua turnê mundial. Em sua página no Facebook, ele informar a decisão.

Diversos rumores surgiram sobre motivo do cancelamento. O agente do cantor informou que Justin precisa descansar e que o bem-estar do cantor é mais importante no momento do que a carreira. Acredita-se que Justin Bieber tenha tomado essa decisão por causa de uma religião que começou a seguir nos últimos tempos, de acordo com o que divulgou o TMZ, site norte-americano especializado em celebridades.

A Hillsong é conhecida como uma igreja hipster de origem australiana. Ela está presente em diversos locais do mundo, sendo a Austrália e os Estados Unidos os países com maior presença e com maior número de pessoas.

Publicidade

Os cultos são muito parecidos com shows de pop e rock. Além disso, ela é considerada uma das igrejas mais descoladas e é normal ver pessoas com cortes modernos e roupas coladas.

De acordo com informações, Justin Bieber aderiu à igreja e passou frequentar os cultos, com a carreira podendo estar atrapalhando o jovem nessa caminhada espiritual, diz o TMZ. A escolha feita por Justin Bieber teve várias controvérsias e revoltou fãs e funcionários que trabalhavam junto com o cantor em sua turnê.

A desistência de concluir os 15 shows restantes, prejudicou mais de 200 funcionários que trabalham em todos os países que o cantor faz apresentações. Além disso, a decisão de Justin provoca vários problemas, principalmente em relação à venda antecipada de ingressos.

O cantor ainda não se pronunciou oficialmente se vai desistir da carreira ou se só está dando um tempo. Ele apenas disse que, depois de quase dois anos sem parar, precisa se afastar e descansar. O TMZ afirma que o cantor está buscando se reaproximar da religião e a parada teria sido recomendada para que ele pudesse se dedicar mais à parte espiritual. #turnê