#Game of Thrones retornou no último dia 16 com a tão esperada sétima e penúltima temporada. O primeiro episódio teve como título "Dragonstone" e o episódio foi mais para uma introdução para o que está a vir.

O retorno começou com uma cena intrigante com a qual os fãs da série podem ter ficado confusos: Walder Frey fazendo um discurso para seus soldados. Só que Arya tinha o matado na última temporada. Mas não era nada mais, nada menos, que Arya novamente com o rosto do Frey (novamente a garota com os aprendizados de Jaqen H'agar, ou melhor, ninguém).

Depois mostrou Jon Snow numa reunião para juntar o Norte e manter os aliados, pois ele sabe que o pior está por vir porque o inverno já chegou (depois de sete temporadas).

Publicidade
Publicidade

E o que separa os mortos (White Walkers) de todo o reino é a muralha, e lá está Jon com tamanha responsabilidade. Não quer saber de nenhuma outra ameaça, conhecida como Cersei Lannister, porque a verdadeira ameaça, ou melhor, a ameaça mais perigosa no momento é a do Rei da Noite.

Durante o episódio também vimos Cersei Lannister, em King's Landing, com seu irmão Jamie bastante preocupado. Pois como ela mesmo afirmou, tanto no sul, no norte, leste e oeste ela tem inimigos. E os fãs de Game of Thrones sabem o que Cersei faz quando está rodeada de inimigos. O Alto Pardal que o diga. Mas sabemos que tudo isso está prestes a mudar. Afinal, Cersei irá morrer? E se sim, quem irá matá-la? Daenarys está indo para King's Landing, tomar seu trono de direito. Porém, além dela, alguém muito astuto quer matar Cersei desde o começo de Game of Thrones.

Publicidade

Arya Stark, a garota que já foi ninguém, agora caminha até King's Landing para matar Cersei Lannister com suas próprias mãos.

No outro lado, indo para a Muralha, encontramos Sandor Clegane e alguns seguidores do Senhor da Luz. Surpreendentemente ao olhar para as chamas Clegane viu o Rei da Noite ultrapassando a muralha com os mortos e vê que o perigo é real. Mais aliados para Snow.

A cena final com Daenerys indo para a casa de sua familia, os Targaryen, fazendo de lá seu "acampamento" e começando a planejar a retomada do trono foi incrível.

Porém, lá na Cidadela, onde o amável Samwell Tarly está exercendo sua profissão em busca de ser um grande Meistre uma cena chamou atenção. Durante sua incansável rotina, andando pelo templo, ele passa num corredor onde tem pessoas em quartos trancados. Quando ele se aproxima de uma porta uma pessoa põe o braço para fora e faz uma pergunta: "#Daenerys Targaryen, Filha da Tormenta, a Não Queimada, Mãe de Dragões já está aqui?" e Sam logo sai pelo susto que levou.

Publicidade

Todos perguntaram quem era esse homem. O braço dele estava com sinais da doença escamagris, que transforma os homens em pedra na série. O que indica fortemente que aquele homem ali perguntando por Daenerys era #Jorah Mormont.

Jorah é apaixonado pela Mãe dos Dragões desde que se juntou a ela. Jorah foi embora no 5º episódio da 6ª temporada e Daenerys o fez prometer que ele acharia uma cura para sua doença. Mas tudo indica que não é o que está acontecendo. Pelo visto, Jorah está cada vez pior e mais perto de se tornar um homem de pedra.

Será que Daenerys ainda conseguirá vê-lo? E você, o que achou do primeiro episódio da sétima temporada de Game of Thrones?