’’Babe - O Porquinho Atrapalhado’’ é considerado um dos maiores clássicos do cinema. Aqui no Brasil, a obra foi exibida exaustivas vezes na ‘’Sessão da Tarde’’, da Rede Globo de Televisão. Já se passam mais de 20 anos que o filme foi lançado.

De 1996, ‘’#Babe’’ acabou dando a maior condecoração ao ator James Cromwell, hoje com 77 anos de idade. Ele foi indicado ao Oscar - maior prêmio do cinema mundial - como ator coadjuvante da película. O protagonista, é claro, era o porco inteligente que acabou conquistando o seu fazendeiro e não virou jantar de Natal.

O que muita gente não sabe é que James Cromwell é um ator muito dedicado nas causas sociais.

Publicidade
Publicidade

Ele investe pesado em temas difíceis e acabou tendo um destino bastante amargo por conta disso.

James Cromwell, de 'Babe, o Porquinho', é condenado a sete dias de prisão por se recusar a pagar multa

De acordo com informações da coluna ‘’F5’’, do jornal ‘’Folha de S.Paulo’’, em reportagem publicada neste domingo (2), James está em uma enrascada judicial nos Estados Unidos. Em 2015, ele decidiu participar de um polêmico protesto no estado de Nova York, um dos mais populosos do planeta.

Na ocasião, James Cromwell foi às ruas reclamar contra uma usina natural, que estaria a poluir o ambiente e causando sérios males à saúde da população nova-iorquina. Por obstruir o trânsito de uma cidade movimentada, o profissional da telona e outros cinco ativistas acabaram sendo detidos na ocasião, mas engana-se quem pensa que o problema do famoso acabou por ali.

Publicidade

Muito pelo contrário, ele ainda teria que dar muitas explicações.

James Cromwell prefere ser preso do que dar dinheiro ao governo americano

Segundo uma reportagem da revista ‘’Variety’’, especializada em #Celebridades, o protesto do ator de ‘’Babe - O Porquinho Atrapalhado’’ acabaria nos tribunais. O governo americano o condenou a pagar uma multa bem salgada pelo ato no meio das ruas da cidade de Nova York.

A sentença foi de US$ 375 dólares, pouco mais de R$ 1 mil. É claro que James tem a quantia para pagar ao governo americano, mas preferiu não fazer isso devido às questões ideológicas. Ele não quer enriquecer ainda mais o governo do país mais rico do planeta. Por conta disso, a justiça decidiu dar a ele uma espécie de pena alternativa, que são sete dias em uma prisão.

Em entrevista sobre o assunto, Cromwell argumentou que em momentos como esse, todos os americanos precisam ficar juntos, do contrário, nada mudaria. Ele foi além e disse que o poder tem que ser para o povo. #Famosos