Lobão é um dos cantores mais polêmicos do país. O músico é conhecido por falar o que bem pensa e, muitas vezes, acaba atingindo muita gente. Nessa quinta-feira (6), por exemplo, #Lobão fez graves críticas a dois artistas muito populares na música brasileira, Wesley Safadão e Anitta. Ambos têm bem mais sucesso do que o roqueiro que sumiu da mídia. Em entrevista ao programa 'Pânico', da Rádio Jovem Pan, Lobão acabou detonando os dois cantores. Ele ainda chegou a colocar a culpa na falta de politização dos brasileiros por conta das músicas desses e de outros artistas. Segundo ele, as letras da #Anitta e Safadão evocam o que o Brasil não tem de bom, que é o "jeito malandro" e o rebolado.

Publicidade
Publicidade

Lobão diz que música de Anitta é 'poluente' e que seu cérebro não merece isso

Na conversa com os humoristas do 'Pânico', Lobão confessou que se recusa a ouvir Anitta. Ele argumentou que a música dela é muito "poluente". A revelação foi feita em meio a um lançamento de um polêmico livro do canto. Em o 'Guia Politicamente Incorreto dos Anos 80', ele conta histórias envolvendo a época que deixa saudades em muita gente. Ainda nas críticas à funkeira carioca, ele garantiu que o seu cérebro não era penico, assim como o ouvido dele. Dessa forma, Lobão confessa que sequer curiosidade tem para saber qual é o ritmo da morena, que já começa a fazer sucesso internacionalmente.

Lobão pede desculpas a Herbert Vianna, antigo desafeto

Segundo o músico, que relembrou também outras polêmicas do passado, ele usou o livro sobre os anos 1980, como uma maneira de pedir perdão a um dos maiores músicos do rock nacional, o cantor Herbert Vianna.

Publicidade

O músico, que hoje utiliza uma cadeira de rodas, continua a cantar e é vocalista do grupo 'Paralamas do sucesso'. Segundo Lobão, ele é Herbert brigaram muito, mas as brigas tinham no fundo uma enorme admiração por parte dele.

A briga entre Lobão e Herbert Vianna chega ao fim: 'Peço misericórdia a ele'

De acordo com o entrevistado do 'Pânico', as rusgas dele e Herbert começaram quando ele desconfiou que o vocalista do 'Paralamas do Sucesso' estava copiando as suas músicas. Muito tempo depois de tudo o que aconteceu, ele garante que isso apenas causou problemas para ele no meio musical. Lobão ainda lembra que todos ficaram ao lado de Herbert e que ele passou como o "drogado" e maluco. Dessa forma, muitos anos depois, ele pede misericórdia, colocando à tona a possibilidade de estar errado diante desse e de outros episódios do seu passado.