Anitta é uma das cantoras mais conhecidas do país. A funkeira está fazendo não apenas sucesso aqui no país, mas em outros lugares do mundo. Anitta acabou de lançar seu novo hit, Paradinha, recentemente. Ela impressionou muita gente com o seu rebolado.

Atualmente, a cantora está namorando o empresário Thiago Magalhães. O bonitão, no entanto, tem acusações pesadas contra ele, como mostra uma reportagem do jornal carioca Extra publicada nesta quarta-feira (26).

Thiago Magalhães, o namorado de Anitta, é acusado de invadir apê da ex

O namoro entre Thiago e #Anitta já dura dois meses. Antes de ele conhecer a cantora, teve um relacionamento com Marina Pumar, uma blogueira famosa.

Publicidade
Publicidade

Ela decidiu prestar queixa após Magalhães ter invadido sua casa.

A blogueira disse que foi agredida pelo agora namorado de Anitta. Os momentos de terror que ela viveu teriam ocorrido em fevereiro desse ano.

Namorado de Anitta teria invadido casa da ex-namorada e caso foi parar na polícia

A blogueira, tendo medo de tudo o que aconteceu, decidiu prestar um boletim de ocorrência na delegacia do Leblon, da Zona Sul do Rio de Janeiro.

A blogueira conta que a porta da sua cozinha foi arrombada. Tudo teria acontecido no dia 5 de fevereiro, solicitando que os dois voltassem o namoro.

Assustada, blogueira foi à delegacia e disse que o pior não aconteceu graças a irmã do rapaz

Marina foi até à delegacia e informou que, quando acordou, o namorado de Anitta, já estava em seu quarto. Ela disse à polícia que ficou muito assustada com tudo o que aconteceu e que, por isso, fez de tudo para tirar Thiago de seu apartamento.

Publicidade

Isso só aconteceu, no entanto, quando a irmã do rapaz, de 25 anos, conseguiu entrar no imóvel e convencer Magalhães de deixar o local.

Ex de Thiago Magalhães conseguiu medida de proteção baseada na Lei Maria da Penha

O processo que aconteceu contra ele tem como base a Lei Maria da Penha. O empresário agora não pode mais fazer interação com Marina. Ele foi obrigado pela Justiça a ficar pelo menos 300 metros longe da ex-namorada.

A medida valia por 90 dias e, como lembra o jornal Extra, Magalhães entrou com uma ação e conseguiu fazer com que o processo fosse visto como improcedente. Dessa maneira, ele não foi renovado.

'Não quero me pronunciar', diz Marina Pumar ao comentar agressão de Thiago Magalhães

Em contato com Marina, o jornal Extra ouviu dela que o processo realmente existe. No entanto, a moça afirma que prefere não se pronunciar a respeito do episódio. Ela diz que faz isso pela sua segurança. #Famosos #Crime