Uma das passagens mais aguardadas da novela 'O Rico e Lázaro' da Record TV é o momento em que Daniel será jogado aos leões. As cenas, ainda sem previsão de data para irem ao ar na trama bíblica adaptada por Paula Richard, serão exibidas em um capítulo especial na reta final do folhetim.

Ex-global dá vida ao rei na novela

Para viver rei Dario, o homem responsável por atirar Daniel na cova dos leões, a #Rede Record escalou um ex-global, o ator Breno de Filippo. Na TV Globo, ele participou de várias #Novelas conhecidas, entre elas, 'Insensato Coração' e 'A Regra do Jogo'.

Na Bíblia, Rei Dario é citado no livro de Daniel como novo governante da Babilônia após a morte de Belsazar.

Publicidade
Publicidade

Ao que tudo indica, ele é um general nomeado por Ciro da Pérsia para governar as terras tomadas em uma batalha depois do fim do Império Babilônico.

Fim do Império Babilônico

Os últimos dias do império de Nabucodonosor são marcados pelo governo de Belsazar, filho de Nabonido. Após a morte de Nabucodonosor na novela, Evil-Merodaque assume o trono, mas seu reinado dura pouco. Logo acontece uma conspiração liderada por Nebuzaradã que assassina o novo rei e sua mãe, a rainha Amitis.

Por algum período o governo da Babilônia é assumido pelo genro de Nabucodonosor ao lado de sua nova mulher, a rainha Sammu-Ramat até que Nabonido e Nitócris conseguem reassumir o poder. Nabonido se torna rei por um tempo, mas sem aptidão para o trono, coloca seu filho Belsazar em seu lugar.

Belsazar passa a ser considerado um péssimo rei, deixando o povo de lado e atendendo apenas suas questões pessoais, guiado pelo seu egoísmo e orgulho.

Publicidade

Por zombar do Deus dos hebreus, Belsazar é punido e morre durante a invasão liderada pelos persas e pelos medos, vindo Dario a assumir o governo na região. [VIDEO]

Daniel é eleito chefe dos governadores

Depois de se instalar nas novas terras conquistadas, Dario se familiariza com a história de Daniel e ganha grande simpatia pelo hebreu. O novo rei chega a dar ainda mais poder ao governador, o elegendo como um dos três chefes dos 120 governadores da Babilônia.

O carinho com que o novo rei trata Daniel passa a ser visto com maus olhos pelos outros chefes dos governadores e desperta a inveja, fazendo com que eles armem para que o hebreu seja morto na cova dos leões. Sabendo do hábito de Daniel de orar 3 vezes ao dia, os invejosos convencem Dario a fazer um decreto para que ninguém no reino recorra a Deus ou a outra entidade para atender seus pedidos. Tudo teria que ser tratado apenas com o rei e quem desobedecesse deveria ser jogado aos leões.

Dario ordena que Daniel seja jogado aos leões

Logo Daniel é visto orando ao Deus dos hebreus normalmente desconsiderando o tal decreto e, sem alternativa, Dario é obrigado a cumprir a lei.

Publicidade

Mesmo contra sua vontade, ele ordena que o chefe dos governadores seja lançado na cova dos leões.

Ao amanhecer o dia, Rei Dario vai apressadamente até o local onde Daniel foi deixado com os animais e o chama. Para sua surpresa, o hebreu está vivo e sem nenhum arranhão. Dario, o tira da cova e fica maravilhado com o milagre que vê. Na sequência, ele ordena que os homens que armaram contra Daniel sejam jogados imediatamente aos leões para serem comidos.

Veja no Youtube:

#O Rico e Lázaro