Depois de tanto sofrimento e injustiças na novela "#O que a vida me roubou", transmitida pelo #SBT, parece que as coisas finalmente começarão a se ajeitar para Alessandro, o protagonista da trama. Isso porque, depois de ter perdido seu sobrenome e toda a herança que seu pai Benjamin lhe deixou em seu leito de morte e, como consequência disso, ter sofrido um gravíssimo acidente e passar sete anos em coma, perdendo assim o crescimento de seu filho Laurinho, o rapaz finalmente recuperará tudo que é seu por direito, incluindo o sobrenome Almonte. Confira detalhes abaixo.

Após muita luta para comprovar sua inocência, Alessandro vai a uma reunião com o juiz, acompanhado de Padre Anselmo, que está determinado a depor a favor de Alessandro para que este recupere seus direitos.

Publicidade
Publicidade

Ao chegar no escritório do juiz, o padre Anselmo jura em nome de Deus que seu amado menino Alessandro é filho de Rosário e Benjamin.

O juiz, por sua vez, diz a padre Anselmo que o sacerdote não faz ideia do quão ansioso ele esteve por conhecê-lo durante todos esses anos e ouvir finalmente a sua versão dos fatos, mas informa ao padre que ele chegou tarde demais porque seu testemunho já não é mais necessário.

Ao pensar que o juiz do caso diz aquilo porque Alessandro foi condenado definitivamente, Padre Anselmo se altera muito e diz que aquilo é uma injustiça e diz que nunca é tarde demais para corrigi-las. Preocupado, Alessandro pergunta ao juiz o que está acontecendo.

Dizendo que se expressou mal, o juiz, por sua vez, explica que a declaração do padre já não é mais necessária porque o testamento que Alessandro levou até ele foi validado pelo tribunal e que, somado a isso, os exames de DNA feitos a fim de confirmar que Benjamin era realmente o pai de Alessandro deram positivos.

Publicidade

Por estes motivos o juiz informa que, a partir daquele momento, Alessandro recupera seu sobrenome, seus direitos e seus bens e lhe deseja felicidades. Emocionados, Alessandro e Padre Anselmo se abraçam.

Após alguma conversa, o juiz pede a Alessandro e ao padre que eles fiquem tranquilos, pois sua decisão é absolutamente irrevogável e solicita a Alessandro que peça para seu advogado que entra imediatamente em contato com ele para que Alessandro possa tomar posse de tudo o que lhe foi roubado.

Alessandro então informa que só se salvarão as propriedades porque Fabíola passou todo o dinheiro para uma conta em nome de Graziela, mas afirma que este dinheiro não lhe interessa. Diante da indignação de Padre Anselmo, Alessandro conta que tudo foi parte de um trato que o fazendeiro fez com sua sogra para que ela deixasse ele e Montserrat em paz e que tudo o que lhe importa é ter recuperado sua esposa e seu filho. #Novelas