A silhueta mais fininha da jornalista e apresentadora do programa É de Casa, onde divide a função com outros apresentadores também muito queridos do público, tem chamado a atenção e sido motivo de movimentação nas redes sociais com grande frequência.

Ao site O Globo, a apresentadora contou que apesar de ter perdido 10 quilos recentemente, ela não fez uma dieta exatamente. O que aconteceu foi que mudou seu estilo de vida, incorporando as mudanças a sua rotina, conta.

O que mudou?

Em relação a sua alimentação, a jornalista e apresentadora conta que costumava comer dois pãezinhos no café da manhã, arroz, feijão e farofa durante o almoço e gostava de comer massa durante o jantar.

Publicidade
Publicidade

Ou seja, suas refeições eram basicamente ricas em carboidratos.

"Eu achava que estava fazendo tudo certo, afinal, era uma dieta tipicamente brasileira" relata Patrícia.

Com a orientação de um endocrinologista, ela estabeleceu uma nova rotina alimentar, que ainda mantém o bom arroz com caldinho de feijão.

Cardápio de um dos dias da apresentadora

Café da Manhã

Ela começa o café da manhã com uma refeição pequena e pobre em carboidratos.

  • Panqueca low carb (baixo teor de carboidrato) com queijo e tomate (pode ser o tomate cereja).
  • Chá branco sem açúcar

Almoço

O almoço é mais completo e composto por uma grande variedade de alimentos e nutrientes.

  • Carne vermelha, frango ou peixe à vontade.
  • 4 colheres de sopa de arroz e/ou feijão, lentilha ou grão-de-bico.
  • Salada de alface, tomate, pepino e brócolis - para o tempero use azeite.
  • Sobremesa: doce diet.

Lanche

Assim como acontece no café da manhã, o lanche é também uma pequena refeição com baixo teor de carboidrato.

Publicidade

  • Sementes oleaginosas (sem restrição de quantidade) ou iogurte grego sem açúcar.
  • Chá verde sem açúcar

Jantar

  • Camarão ao alho e óleo com salada verde e edamame (uma espécie de soja verde, originária da China) com flor de sal*.
  • Sobremesa: gelatina diet com creme de leite.

* Flor de sal: é o nome dado para a fina camada de cristais de sal marinho que se forma na cobertura das salinas na superfície da água do mar. Por causa do mecanismo artesanal de obtenção, a flor de sal possui uma concentração natural de ferro, zinco, magnésio, iodo, flúor, sódio, cálcio, potássio e cobre.

Dica de Coach:

Apesar de muito interessante e relativamente fácil, pode acontecer de você achar que alguns desses alimentos não estão do seu agrado ou acessíveis. O que fazer neste caso?

Observando o cardápio da apresentadora alguns pontos ficam evidentes:

  • É uma alimentação balanceada e com baixo teor de carboidrato.
  • Os chás são bebidas que potencializam o #Emagrecimento e a queima calórica (no caso acima o chá verde e o branco, mas você pode substituir por outro que seja mais agradável ao seu paladar ou mais acessível como o de hibisco, canela, gengibre, folha de louro, etc.)
  • O jantar deve conter uma proteína (no caso acima o camarão, mas poderia ser qualquer outra forma de proteína, como uma omelete, por exemplo).
  • O jantar é rico em proteína, além do camarão temos o endamame (soja verde), que pode ser substituído por ervilha, grão de bico e até a soja.

Entenda o princípio e adapte para a sua realidade.

Publicidade

Sempre que possível, consulte um médico ou nutricionista, a sua saúde deve estar sempre em primeiro lugar! #Patricia Poeta #Saúde