O apresentador Carlos Massa, o popular Ratinho, e o SBT acabaram sendo condenados por palavras ditas pelo comunicador em seu programa. #Ratinho acabou atacando um procurador e se deu mal, sendo agora obrigado a exibir um comunicado durante o seu programa em rede nacional. A pendência judicial começou ainda em 2009, quando um magistrado envolveu-se em um acidente de trânsito. Ele era o procurador José Lúcio Arantes, do Distrito Federal. Na época, o representante da #Justiça foi acusado de ameaçar agentes da Polícia Militar. O caso acabou sendo exibido como reportagem no 'Programa do Ratinho' e o apresentador, conhecido pela língua afiada, acabou detonando o procurador.

Publicidade
Publicidade

Ratinho é condenado por ofender procurador e é obrigado a exibir mensagem judicial em seu programa no SBT

De acordo com informações do site TV Foco, em matéria publicada nesta quinta-feira (13), Carlos Massa foi acusado de ofender o procurador em sua imagem e honra. O juiz considerou que, por se tratar de um material informativo, era dever de Ratinho apenas narrar o que havia acontecido e não dar sua opinião. Ratinho, na ocasião, irritado com a situação, acabou dando adjetivos pejorativos ao procurador, como "machão", "tarado" e "bota branca". O juiz que condenou Ratinho e o SBT por entender que as palavras do contratado de Silvio Santos não ter nada a ver com o conteúdo apresentado.

Procurador que desacatou policias pede fortuna do SBT após Ratinho o detonar

O procurador atacado por Ratinho solicitou danos morais da empresa televisa de Silvio Santos.

Publicidade

Ele disse que teve a imagem arranhada pelos comentários do comunicador e, por isso, pediu como indenização o valor de R$ 622 mil reais. O procurador diz que Carlos Massa extrapolou qualquer limite do direito de liberdade de expressão. O juiz amenizou a situação do Sbtista e da empresa do 'Homem do Baú'. Segundo o TV Foco, a emissora foi condenada a pagar incríveis R$ 50 mil.

SBT exibe condenação judicial em meio de programa

Além disso, o SBT ainda foi obrigado a exibir uma mensagem falando sobre a condenação e tudo o que ocorreu. O conteúdo deve ser transmitido dez dias seguidos na atração de Ratinho. Caso não cumpra a determinação, a atração terá que pagar mais R$ 5 mil para cada dia em que isso ocorreu. Ainda nesta quarta-feira (12), a mensagem judicial foi colocada na tela e apareceu rapidamente. Como mostrou a coluna do jornalista Maurício Stycer do UOL, muitos telespectadores ficaram confusos com o que viram.