Uma das mais famosas e experientes jornalistas [VIDEO], que atuava rotineiramente com comentários e conselhos na área de finança pessoal e assuntos relativos à política econômica do país, Mara Luquet, revelou, de modo contundente, quais os principais motivos que a levaram a se demitir do maior grupo de telecomunicações do país, a Rede Globo de Televisão [VIDEO].

A comentarista da área de finanças afirmou categoricamente que passou os últimos dez anos de sua vida realizando trabalhos na #Emissora da família do jornalista falecido Roberto Marinho. A jornalista atuava no grupo de comunicação desde o ano de 2008, quando era colunista em uma das principais emissoras de rádio das Organizações Globo, a rádio CBN (Central Brasileira de Notícias), no programa "O Assunto é Dinheiro".

Publicidade
Publicidade

Decisão pela demissão

Mara Luquet sempre se destacou pelos seus comentários e dicas dadas semanalmente em se tratando de dicas pessoais em um dos principais telejornais regionais da Rede Globo, o "SPTV 1ª Edição", de alcance estadual em São Paulo, além de trabalhos implementados no "Jornal da Globo", cujo alcance é nacional. Entretanto, na última sexta-feira (28), a comentarista Mara Luquet decidiu por um "ponto final" em sua trajetória profissional na maior emissora do país. Mara Luquet literalmente pediu as contas. Vale ressaltar que nesta terça-feira (1º) foi ao ar o último programa de rádio pela CBN.

Porém, a jornalista Mara Luquet revelou um de seus principais motivo por ter deixado, de modo definitivo, a Rede Globo de Televisão e as outras empresas ligadas ao mesmo grupo de comunicação.

Publicidade

Mara Luquet afirmou, de modo contundente, que se demitiu da emissora carioca para que pudesse fazer investimentos em sua editora, a Letras&Lucros. Além de editora, também site e geradora de conteúdo relacionado a temas econômicos.

O primeiro contrato fechado com a jornalista Mara Luquet se refere a uma parceria com o banco Bradesco. A instituição financeira acabou adquirindo todo conteúdo dirigido com o intuito de orientar os investidores que estejam interessados na compra ou em consórcio de automóveis e imóveis.

A jornalista já informou, inclusive, que já haveriam outros clientes considerados potenciais em vista. Vale ressaltar que o banco Bradesco também adquiriu direito relativos à imagem da ex-colaborada da Rede Globo. Porém, Mara Luquet foi clara em afirmar que o banco não teria exclusividade de com sua imagem e que ela poderia vender seu trabalho e imagem para outras instituições financeiras.

Já em uma crítica "indireta" à TV Globo, a jornalista afirmou que "a Rede Globo dá uma grande exposição a qualquer jornalista, mas ocasiona o empecilho relativo à exclusividade." Mara Luquet salientou ainda que não teria receio de desafios, já que teria uma grande demanda sobre finanças pessoais e aconselhamento financeiro. #celebridades #MaraLuquet