Publicidade
Publicidade
3

Diversos artistas brasileiros e internacionais assumem sua homo ou bissexualidade, um ato de coragem em um mundo que insiste em ser preconceituoso com o quem foge da "norma". Atualmente, vemos diversos artistas usando como bandeira outras formas de amar e se relacionar que saem do padrão, chegando a colocar a própria carreira em xeque, mas assumindo os seus desejo.

Jesuíta Barbosa e a liberdade de escolha

O ator Jesuíta Barbosa (26), conhecido no cinema com filmes como Tatuagem, disse em entrevista recente a revista Veja que os assuntos relacionados a vida amorosa e a sexualidade de cada um é de fóro íntimo e não deve ser questionado com frequência.

Publicidade

Porém revelou que opta por se relacionar como seres humanos, independente se for homem ou mulher.

O despertar da sexualidade

Já o irmão do ex-Backstreet boy Nick Carter, o também cantor #Aaron Carter (29), revelou através de sua conta no Twitter que desde que iniciou sua carreira na indústria do entretenimento norte-americana, aos 13 anos de idade, conheceu "garotas e garotos atraentes". E disse que a sua primeira experiência com um homem foi aos 17 anos, com um colega de trabalho.

Outras revelações

Não é a primeira vez que artistas do porte de Jesuíta ou Aaron revelam a sua bissexualidade. Aqui no Brasil, por exemplo, tivemos a histórica capa de uma revista estampada pela cantora Ana Carolina (42) que trazia a seguinte frase: "Sou bi, e daí?". Ana sempre foi motivo de especulação, seja pela sua profissão ou por fugir dos padrões do feminino.

Publicidade

No interior da revista a cantora revelava os detalhes de sua orientação sexual, expondo a sua visão de mundo com solidez e maturidade.

Muito já se especulou sobre a sexualidade dos #Famosos, até o astro sex simbol Marlon Brando teve a sua heterossexualidade questionada, assim como o ícone dos anos 1950/1960 James Dean, da mesma geração de Brando. Nos Estados Unidos, as celebridades começaram a falar abertamente sobre o assunto na década de 1990.

Quando a apresentadora Ellen Degeneris saiu do armário se declarando lésbica, alguns outros atores e artistas de modo geral resolveram tornar, também, a sua sexualidade pública. Uma revista norte-americana chegou fazer uma lista das celebridades homossexuais e bissexuais sem a autorização, a lista incluía grandes astros de Hollywood como a atriz Jodie Foster e o ator britânico Alan Cumming. O assunto deu o que falar, dos que foram listados muitos negaram, mas hoje comentam melhor sobre o assunto. São outros tempos. #Jesuíta Barbosa