Publicidade
Publicidade

Que o programa 'Pânico na Band' já vem descendo a ladeira quando o assunto é apelar para a audiência, disto ninguém duvida. Recentemente foi noticiado aqui na Blasting News, que o programa tem caído em desgraça. Num episódio recente, um humorista num quadro onde reunia caricatos de Datena e pastor Valdomiro, colocou o órgão masculino para fora da calça e a imagem foi ao ar sem cortes. O episódio rendeu bronca de todos [VIDEO] os lados e a produção do programa comprometeu-se a não repetir mais a cena de mau gosto

Depois, a exposição de Dudu Camargo que deu o que falar, mas também foi de gosto muito questionável. Os expectadores que assistiram aos integrantes do programa embebedarem um jovem de 19 anos e submetê-lo a situações, no mínimo, vexatórias, tiveram suas opiniões dividas.

Publicidade

A repercussão da crítica foi ruim. Sem contar com os quadros recentes que o programa tem exibindo, expondo as beldades seminuas (as Panicats), a provas de esforço desumanas.

A polêmica agora é trazida por uma ex-participante do programa, uma ex-panicat, a linda #Mari Gonzales. A moça rasgou o verbo e revelou as verdades dos bastidores do programa.

Mari Gonzalez, ex-panicat, revela por que saiu do programa "Pânico na Band"

A ex-panicat Mari Gonzalez aproveitou seu canal no Youtube para rasgar o verbo contra o programa que trabalhou, o "Pânico na Band". Primeiro, ela explicou o motivo de sua saída da atração televisiva. Segundo a morena, ela não saiu chateada nem brigada com nenhum dos integrantes nem mesmo com ninguém da produção. Ela não relata nenhum problema 'sério' com ninguém. Ela apenas pediu para sair, e confessa que ninguém esperava isso nos bastidores.

Publicidade

Mari ainda revelou que sua saída também não foi motivada por uma possível ida para outra emissora, como foi especulado na época. Ela apenas alegou que desistiu de trabalhar na atração, pois cansou-se de como era tratada, segundo ela, não estava mais se sentindo bem no trabalho, não estava mais feliz.

Mari fala sobre os bastidores do programa "Pânico": "Mulher é só um objeto"

Ainda para justificar sua saída, ela revelou #segredos dos bastidores do programa. Na atração, as meninas não têm nenhuma liberdade de serem o que são, é tudo roteirizado e elas são obrigadas apenas a atuar e seguir o 'script'. As meninas vão aceitando até o ponto que chega num limite. O pavio de Mari [VIDEO]era menor que das colegas e ela pediu para sair.

Outro ponto levantado pela morena é a forma que o programa trata as mulheres como objetos, apenas com culto ao corpo. Ela diz que se incomodou com a forma que foi tratada. "Eu era apenas uma bund@", confirma a modelo. Por fim, ela revelou que as brincadeiras que eram feitas machucavam realmente, apesar de nada grave, mas incomodava.

"Todas as mulheres ali são muito mais que só um belo corpo, [VIDEO] só para fazer provas de biquíni. Pode mostrar o corpo, mas não de forma banal", desabafou.

Qual sua opinião sobre o assunto? Comente! #panico