Na noite deste sábado (12), o padre Fábio de Melo participou do programa #Altas Horas, da Rede Globo, e falou sobre diversos assuntos, dentre eles a condição de celibatário. Essa condição é um dos pré-requisitos para ser ordenado como padre na Igreja Católica Apostólica Romana.

Esse assunto, um tanto polêmico ,surgiu quando o tema era casamento e, como sempre, o padre Fábio de Melo não se esquivou. Ele debateu tranquilamente sobre o polêmico assunto a possibilidade de um padre se casar. Por incrível que pareça, Fábio de Melo disse que acredita que isso possa ser possível um dia, mas ele próprio nunca teve essa vontade e que isso talvez pudesse atrapalhar a sua trajetória de alguma forma nas atividades que exerce hoje em dia.

Publicidade
Publicidade

Segundo ele, ‘’as pessoas querem casar o padre, o padre não quer casar’’.

Fábio de Melo é conhecido pela sua irreverência e informalidade até então desconhecida pela maior parte da sociedade por parte dos padres da Igreja Católica. Essa forma moderna e coloquial de se colocar o aproxima mais dos fiéis, segundo o próprio padre. Ele afirma que quer ser visto como um amigo, alguém mais próximo das pessoas, ao ponto que não mudem de assunto na sua chegada por alguma espécie de pudor.

Como o programa [VIDEO] era em homenagem ao Dia dos Pais, naturalmente o padre foi questionado quanto ao seu progenitor e respondeu que, por ser o mais novo e por seu pai ter idade avançada, ele pode lhe dar mais qualidade na paternidade e que não o viu ser ordenado, mas não era a favor, não!

Muito irreverente, Fábio brincou dizendo que foi assediado nos bastidores por Mary Help, personagem interpretado por Marco Luque.

Publicidade

Mary Help disse: ”Esse padre mexeu comigo, ele me inspira” em meio a suspiros.

No surgimento do padre Fábio de Melo para o grande público da televisão, ele se apresentava [VIDEO] de forma mais formal com batina e canções voltadas para o cristianismo e mesmo assim chamou a atenção do lado mais ortodoxo dos fiéis da igreja com um olhar receoso. Hoje em dia, já com seu espaço conquistado não só na televisão, mas nas redes sociais, onde é bem ativo, o padre se apresenta com trajes mais despojados e informais e se permite até cantar música popular brasileira.

Conforme o próprio padre disse em conversa com o jornalista Pedro Bial anteriormente, quando criança, sua mãe disse que ele gostava [VIDEO]de estar bem, pois nasceu pobrezinho e fazia questão de estar limpo, com o “cabelinho de cuia”, arrumado e cheiroso.

Para alguns padres, assuntos como vaidade, casamento para religiosos católicos e celibato são embaraçosos, mas, para esse irreverente sacerdote, mineiro de 46 anos, isso é fácil de conversar. #fabio de melo #diadospais