Publicidade
Publicidade

#nando moura é um conhecido músico e youtuber. Seus vídeos sempre causam polêmicas, pois faz críticas duras aos seus colegas de plataforma de vídeo, ou fala sobre assuntos ligados à religião. Ele se define como uma pessoa cristã e conservadora. Nesta terça-feira (1º), causou polêmica em vídeo onde crítica as cantoras Pabllo Vittar e Anitta.

O vídeo já conta com mais de 480 mil visualizações e quase de 67 mil likes. O youtuber Nando Moura fez apontamentos tidos como homofóbicos nesse vídeo em que cita as cantoras Anitta e #Pabllo Vittar.

No vídeo de 10 minutos, ele cria a história de "Carlinhos", um personagem imaginário que acaba sendo influenciado pela drag queen Pabllo Vittar e se torna um gay enrustido.

Publicidade

No começo do vídeo, Nando Moura diz: "Hoje você vai entender porque você é um fascista, opressor, vagabundo."

Nando Moura é conhecido por defender um posicionamento político alinhado as ideias da direita conservadora e sempre que pode ataca as ideias que considera esquerdistas. Ele tem como seu maior ídolo Olavo de Carvalho e sempre que pode divulga seus livros em seu canal.

Depois que Nando Moura faz essa introdução no vídeo, ele começa a contar a história dos "pais de Carlinhos". "Você, na sua faculdade, se apaixonou por uma menina linda. Ela era meio comunista, progressista, meio libertária e você se apaixonou por ela. Que coisa doce", diz ele.

Então, esse casal imaginário tem um filho chamado "Carlinhos" que recebia do pai os brinquedos do Rambo e carrinhos. Porém, um dia ele começou a dançar em casa as músicas de Anitta e Pabllo Vittar.

Publicidade

Por causa da música, ele começa a ter atitudes "estranhas". Passado alguns anos, o pai descobre que o filho está apaixonado por Pabllo Vittar.

Na narrativa de Nando Moura, o menino "Carlinhos" começa a crescer e a desenvolver interesses por travestis. O pai preocupado tenta orientar o filho. "Você chega e tem uma conversa com o Carlinhos, Carlinhos vem cá. Senta aqui, Carlinhos. O Pabllo Vittar tem piru."

Após passar mais alguns anos, "Carlinhos" começa a se envolver com travestis em uma extensa narrativa cheia de conceitos preconceituosos sobre Pabllo Vittar e a comunidade LGBT. Grande parte dos comentários no vídeo é de pessoas que apoiam a opinião de Nando Moura, mas outras pessoas têm compartilhado o vídeo nas redes sociais o taxando como de conteúdo homofóbico.

Até o momento, a cantora Pabllo Vittar não se pronunciou sobre o assunto.

Confira o vídeo:

Deixe seu comentário. #YouTube