Publicidade
Publicidade

Alguns artistas utilizaram as redes sociais para se posicionarem contra a censura artística em resposta à suspensão de exposições como o "Queermuseu, em Porto Alegre, e às críticas e protestos contra a performance "La Bête", ocorrido no Museu da Arte Moderna de São Paulo.

O "Queermuseu" foi uma exposição que, na visão de pessoas e entidades contrárias às obras, blasfemou contra artigos religiosos relacionando eles com "pedofilia" e "zoofilia". O "La Bête" foi uma performance protagonizada por um artista nu que teve a participação de uma criança que chegou a tocá-lo durante a apresentação.

#Fernanda Montenegro decidiu gravar um vídeo apoiando os artistas e causando repúdio em muitos de seus fãs e seguidores que não concordam com a opinião dela.

Publicidade

De acordo com a atriz, tudo é cultura e não existe nação sem liberdade. Na gravação, Fernanda aproveitou para criticar políticos que ficam em silêncio e chamou-os de "acovardados". Ela pede uma posição dos políticos sobre essa censura às performances e exige liberdade dentro do país.

Vários internautas acabaram comentando os dizeres da atriz e quase que numa totalidade não aceitaram os seus argumentos. As pessoas não concordam com as conotações sexuais existentes nas artes e o envolvimento de criança é visto como um crime. Outros pediram para que a atriz entenda que o país tem Lei e ela deve ser cumprida. "Respeite nossas crianças e adore o nu no teatro ou na cama quanto você quiser", esbravejou um internauta. Vários comentários citaram que a participação de crianças é buscar valorizar o crime de pedofilia.

Publicidade

Caetano Veloso

O cantor e compositor #Caetano Veloso chegou a ser humilhado nas redes sociais após defender a liberdade artística. Segundo o cantor, o MBL (Movimento Brasil Livre) e políticos mentirosos querem comandar as coisas e dizer o que pode e o que não pode. "Não aceitaremos ser difamados", ressaltou Caetano.

Os comentários ferveram e as pessoas atacaram o compositor com vários xingamentos. Um dos internautas pediu para o cantor apenas se limitar a cantar e parar de defender a pedofilia.

Um dos internautas falou que o artista está ofendendo o povo brasileiro. Uma de suas fãs avisou que não mais acompanhará o cantor.

Prefeitos

Os prefeitos de São Paulo e do Rio de Janeiro, João Doria e Marcelo Crivella, lançaram várias críticas aos artistas e organizadores e relacionaram as peças com a pedofilia. Artistas pretendem processar os prefeitos. #Famosos