Publicidade
Publicidade

Nos próximos capítulos da novela ‘O Outro Lado do Paraíso’, depois da vingança contra Gael, uma nova vítima já está na mira de Clara (Bianca Bin), o médico Samuel (Eriberto Leão). [VIDEO]Após voltar para Tocantins, ela não irá perdoá-lo e por meio de um plano fará de tudo para que Adnéia descubra que seu filho é homossexual.

Vale lembra que, desde a sua volta, Clara tem recebido o apoio de Renato (Rafael Cardoso), e dessa vez não será diferente, pois o rapaz passará a investigar o dia-a-dia do médico psiquiatra e descobre indícios de que Samuel vive uma vida dupla.

Por conta disso, Renato, que também é médico, passará a vigiá-lo ainda mais e terá certeza da opção sexual do psiquiatra ao constatar que Samuel tem um caso com Cido, o motorista da madame Sophia (Marieta Severo).

Publicidade

Após a descoberta, Clara decide desmascarar Samuel para Adnéia e para Suzy (Ellen Rocche), a moça com quem o médico se envolveu para tentar esconder que é gay. Clara convida as duas para um jantar, porém, de última hora, a enfermeira desiste de tudo. Mas a moça surge com um segundo plano e consegue levar Adnéia para o flat onde Samuel se encontra com o seu amante.

O momento da vingança

Ao se dirigir para o local, a mãe do médico questionará Clara dizendo que não está vendo nenhum restaurante. Então, a moça responderá que antes precisa falar com uma certa pessoa em um flat e pede para que ela a acompanhe. Sem ser notada, Clara dará uma quantia para que a recepcionista não anuncie a chegada delas ao flat. Assim que a campainha tocar, Cido se dirigirá para abrir a porta pensando ser a entrega do sanduíche.

Publicidade

Contudo, o choque será grande assim que Adnéia se deparar com o seu filho usando batom, cílios e uma lingerie. [VIDEO] A mãe do rapaz não irá suportar e desmaiará de desgosto com aquela cena.

Samuel corre para socorrer sua mãe. Ele avisa que a levará para o hospital. Mas antes de tudo, Adnéia, que estará muito envergonhada, pede para que o filho retire todo aquele traje e usa de ironia ao questioná-lo se ele irá daquele mesmo jeito. Samuel responderá que precisa se explicar. Mas sua mãe rebate dizendo que não precisa de explicação alguma, pois tudo já estava muito claro para ela. Então, ele a interrompe dizendo que não tem o que dizer, que está muito envergonhado com a situação e que seu desejo é sumir.

No entanto, a mãe do psiquiatra desabafa contando que sempre desconfiou que havia algo com o filho. Ela dirá que ele nunca foi um menino "normal". E que seus irmãos quando eram jovens sempre levavam suas namoradas para dentro de casa, mas ele nunca apareceu com ninguém. E finalizará contando que uma certa vez uma vizinha a questionou sobre a sexualidade do filho, e indignada ela precisou cortar a amizade com a vizinha porque não queria acreditar naquela possibilidade #Samuel de calcinha #Adneia flagra samuel #O Outro Lado do Paraíso