Publicidade
Publicidade

A protagonista da atual #Novela das 21h da Rede Globo, Clara, não está mesmo para brincadeiras. Afim de se vingar de todas as pessoas que lhe fizeram mal no passado, a heroína vingativa, que a esta altura já estará milionária, fará uma poderosa aliança com Renato e Patrick com o propósito puro e simples de tirar Samuel do armário, pondo assim um fim à farsa do médico.

Foi Samuel quem receitou à Clara os medicamentos que acabaram por levá-la à loucura. Sendo assim, auxiliada por seus sócios, ela se tornará amiga da mãe de Samuel após ter descoberto o segredo do rapaz. Após isso, cheia de ódio, Clara conduzirá Adnéia diretamente para o flat onde o psiquiatra estará acompanhado de Cido, e a senhora pegará os dois com a 'boca na botija'.

Publicidade

A mocinha convidará Adnéia e sua nora, Suzy, para comerem fora, mas apenas a senhora aceitará a proposta. Conformada com o que conseguiu, Clara [VIDEO]sairá só com Adnéia mesmo. Mas, ao invés de levá-la para o restaurante como havia sido combinado inicialmente, a justiceira levará a personagem de Ana Lúcia Torre para o apartamento de seu filho.

Segundo informa o jornalista Daniel Castro, quando Adnéia finalmente chegar ao local, o médico se encontrará nada mais nada menos do que nos braços de Cido e ainda estará usando calcinha, cílios artificiais e batom. Porém, antes de cair dura por causa de um desmaio, Adnéia pegará seu filho nestas condições.

Ao se dar conta do que acabou de acontecer, Samuel [VIDEO]se desesperará e implorará para que sua mãe acorde, chamando-a carinhosamente de "mãezinha".

Publicidade

Mas, na hora que Adnéia despertar, Samuel terá uma desagradável surpresa. Ao perguntar para sua mãe se ela está melhor e afirmando que a levará ao hospital, Adnéia soltará uma resposta que nenhum filho gostaria de ouvir. Furiosa, a idosa disparará que antes de mais nada seria bom que Samuel tirasse a calcinha, os cílios e o batom e pergunta se por acaso ele terá a coragem de aparecer daquele jeito no hospital. Para finalizar, Adnéia dispara dizendo que tem vergonha de seu filho.

Samuel até tentará contornar a situação alegando que tudo aquilo não passa de uma brincadeira inocente, mas Adnéia acabará por se dar conta de que seu filho é gay e que ela só não percebeu antes porque não quis. Depois de todo este mau entendido, a mãe de Samuel acabará aceitando-o como ele é.

Quando seu filho tentar lhe pedir perdão, Adnéia o impedirá e, emocionada, perguntará a Samuel o que ela deve perdoar e se ele poderia mudar se quisesse. A senhora continua seu belo discurso dizendo que talvez seja seu filho quem tenha que perdoá-la por ela não ter notado nada antes. Magistralmente, Adnéia encerrará a conversa dizendo que a obrigação de uma mãe é compreender e amar seus filhos. #O Outro Lado #O Outro Lado do Paraíso