Bom Jesus da Lapa é um daqueles cantinhos especiais do nosso país, cheio de belezas naturais e de muita espiritualidade. Localizada a 796 km de Salvador, a capital baiana, a cidade também é considerada uma capital: a Capital Baiana da Fé.

De acordo com o site Central da Lapa, a história da cidade nos leva ao final do século XVII, quando Francisco de Mendonça Mar andou pelo sertão baiano carregando uma imagem do Bom Jesus e de Nossa Senhora da Soledade.

Publicidade
Publicidade

Ao avistar um morro, foi até ele e fez de uma de suas inúmeras grutas, a sua moradia. Construiu junto ao santuário um asilo e um hospital e cuidava dos pobre e doentes nesses locais. Assim começou a crescer um povoado, que assumiu o nome de Bom Jesus da Lapa.

O referido morro é  um penhasco de 90 m de altura, à beira do Rio São Francisco - sim, a cidade é banhada pelo Rio São Francisco, ou Velho Chico, como é chamado, o que a torna ainda mais charmosa.

Publicidade

O morro abriga o Santuário do Bom Jesus da Lapa,  que atrai milhões de visitantes do Brasil e do mundo, todos os anos. É um lugar de muita religiosidade, além de cenários de beleza ímpar, que durante o ano recebe muitas romarias e procissões.  O morro abriga várias grutas, onde são realizadas missas e onde os fiéis vão pedir e agradecer por graças alcançadas. É importante frisar que é um local que está aberto para receber qualquer pessoa, independente de sua crença religiosa. 

A cidade tem um comércio forte e uma noite  de intensa agitação.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Religião Viagem

Conta com vários pontos turísticos e muitas atividades para os visitantes - uma delas muito especial: assistir ao pôr do sol com um som ao fundo: a música de Gounod ou Schubert - dá até para imaginar a sensação de paz desse momento.

Bom Jesus da Lapa tem uma novidade para o ano de 2016: vai ser um dos cenários de uma novela global, de autoria de Edmara Barbosa e de seu filho, Bruno Barbosa, sob a supervisão de Benedito Rui Barbosa. O nome da novela?

Velho Chico, em homenagem ao importante Rio São Francisco. Segundo a autora, o ideia é de "retratar o rio como um todo e como ele percorre quase três mil quilômetros, vários biomas e várias culturas", em mensagem ao Central da Lapa.

Coloque Bom Jesus da Lapa, na Bahia,  no seu roteiro de viagens por esse Brasil de belíssimos lugares.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo