Para os concurseiros de plantão a boa notícia é que saiu oedital do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão que tem como objetivopreencher 556 Vagas com salários que podem chegar a R$ 6 mil. Esse órgão tem afunção de liberar fundos para projetos do governo e para os estados, controlarorçamentos, analisar novos projetos, planejar custos e planejar a administraçãodo governo. As vagas são para candidatos formados em ensino superior tanto emáreas específicas quanto em qualquer área.

O ENAP também está com vagas disponíveis.

A EscolaNacional de Administração Publica está vinculada com o MP e tem como objetivodesenvolver competências para a melhoria na gestão de políticas públicas.

As inscrições podem ser realizadas até o dia 6 dejulho no site da organizadora Cespe/UnB. São 300 vagas para analista detecnologia da informação, 1 vagas para técnico em assuntos educacionais, 6vagas para administrador, 7 vagas para assistente social, 7 oportunidades paraeconomista, 4 para médico, 8 para arquivista, 14 vagas para contador, 16 paraarquiteto, 16 para geólogo, 54 oportunidades para engenheiro e outras 89 vagaspara analista técnico administrativo.

Dependendo do cargo em questão, a taxa deinscrição pode variar entre R$ 90 e R$ 100.

Através do edital é possível acompanhar osassuntos que serão cobrados nas provas e a partir disso traçar uma estratégiade estudo. Esse concurso é uma excelente oportunidade para quem procuraestabilidade em um emprego bem remunerado. O salário inicial pode variar entreR$ 3 e R$ 6 mil de acordo com o cargo pretendido. Fora isso, os contratadostambém contarão com auxilio alimentação de R$ 373 mensais, auxílio-creche,plano de saúde, seguro de vida, plano odontológico, entre outros benefícios.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Vagas

Depoisdo período de experiência o contratado também contará com comissão, chegando ano mínimo R$ 5 mil mensais.

Para Técnico de Nível Superior, Técnico em Assuntos Educacionaise Analista Técnico-Administrativo é necessário ter ensino superior completo,porém pode ser graduação em qualquer área.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo