A Polícia Federal abriu investigação nesta terça-feira, dia 6, sobre fraudes no Bolsa Família no município de Nova Ponte, no Alto da Parnaíba (Região do Triângulo Mineiro). A suspeita é de que mais de 10% dos beneficiários do Bolsa Família estejam irregulares. Desta forma, os mais de 30 agentes da Polícia Federal participantes desta ação estão cumprindo mandados de condução e apreensão no município.

De acordo com o delegado Carlos Henrique Cotta D'Ângelo, há 48 mandados de condução coercitiva e dois mandados de busca e apreensão de cartões do bolsa família.

Publicidade
Publicidade

As suspeitas são de que 100 dos 700 benefícios do BOLSA FAMÍLIA do município de Nova Ponte em Minas Gerais, sejam fraudados e a Polícia Federal quer descobrir como estas fraudes foram planejadas e aplicadas.

Polícia Federal já conduz investigação

A Assessoria de Comunicação da Polícia Federal esclarece que as investigações tiveram início no ano de 2012. Na época a Controladoria-Geral da União (CGU) descobriu 20 benefícios irregulares. Desde então a Polícia Federal é responsável pelas investigações.

Publicidade

Os investigados estão sendo ouvidos pelos agentes federais na sede da Polícia Militar (PM) no município de Nova Ponte. Os casos de Corrupção do Bolsa superam a 10% do total de beneficiários na região do triângulo mineiro.

O delegado da Polícia Federal e chefe do inquérito, Carlos H. C. D’Ângelo, ainda esclarece que o objetivo a partir de agora entender qual o propósito dos benefícios irregulares e garante que ninguém inscrito no programa Bolsa Família ficará sem receber o dinheiro que lhe apetece.

O resultado final da investigação será informado ao Ministério Público.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Corrupção

Cancelamento do Programa

Dependendo do resultado da investigação, a Prefeitura de Nova Ponte poderá ser instruída pelo governo a cancelar o Bolsa Família na Região tendo em conta o elevado número de corrupção.

Servidores da Prefeitura recebendo o benefício

Das quase 48 pessoas investigadas no momento e que estão sendo ouvidas, 30 são servidores municipais, que recebem o salário e o benefício.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo