Após 14 anos, a Estação Primeira de Mangueira voltou a conquistar o título de campeã do Carnaval do Rio de Janeiro. O fim do jejum veio nesta quarta-feira (10/02), na divulgação das notas do último quesito. Com o samba-enredo Maria Bethânia – a Menina dos Olhos de Oyá, a escola confirmou a boa receptividade que obteve do público e dos especialistas durante o desfile, na última segunda-feira (08/02), e fez a sua quadra, lotada de integrantes da agremiação, comemorar o 18º título. A disputa acirrada também teve a Unidos da Tijuca (2º lugar), Portela (3º) e Salgueiro (4º), disputando até os últimos quesitos, além da presença da Beija-Flor (5º) e Imperatriz (6º).

Elas vão realizar o Desfile das Campeãs no próximo sábado (13/02), às 21h30. Ainda como resultado da apuração, a Estácio de Sá foi rebaixada para o grupo de acesso.

A vitória da Mangueira já repercutiu nas redes sociais. Em um vídeo publicado no Facebook, Caetano Veloso comemora a conquista e destaca que a verde-e-rosa é a escola de samba que representa a porção do Rio de Janeiro em que a presença baiana é mais forte. O samba-enredo desenvolvido pelo carnavalesco Leandro Vieira apresentou diversos elementos religiosos presentes na vida de Maria Bethânia.

A artista da Bahia é iniciada no Candomblé. Na Comissão de Frente durante o desfile, bailarinas simbolizaram as guerreiras Oyá, orixás ligadas à valentia. A primeira porta-bandeira desfilou com uma fantasia que representava o Axé na religião afro-brasileira. A Mangueira também impressionou pelos jatos d’água lançados do Carro Abre-Alas, simbolizando a deusa Oxum, que habita as águas doces. Por fim, a expressão de Bethânia enquanto artista também foi um ponto alto do desfile. Um grande Carcará – nome da música que tornou Bethânia conhecida no país - esteve presente em um dos carros da escola.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Carnaval

Personalidades

Tradicional escola carioca, a Mangueira reúne um grande número de artistas em seus desfiles. Neste ano, marcaram presença os atores Cauã Reymond, Regina Casé e Aílton Graça, além dos cantores Beth Carvalho, Alcione, Caetano Veloso, Adriana Calcanhoto, Chico César, Zélia Duncan, Vanessa da Mata e Ana Carolina.

Estreia premiada

Com o primeiro samba-enredo para a Mangueira tendo resultado no título deste ano, o carnavalesco Leandro Vieira ressaltou que está surpreso. Egresso do grupo de acesso, ele afirmou que, há dois anos, não imaginava estrear na tradicional escola de samba conquistando o carnaval de 2016.

Para o próximo ano, Vieira mantém segredo quanto ao tema para o samba-enredo, mas adianta que tem “algumas ideias” guardadas.

Investigação

Foram divulgadas na internet supostas fotos contendo notas de escolas do grupo especial do Rio. Autoridades afirmam que o caso será investigado.

Zika Vírus

Durante todo o carnaval do Rio, novas notícias a respeito do zika vírus surgiram. Uma delas diz respeito a outro grande evento a ser realizado neste ano na cidade: as Olimpíadas.A Delegação dos Estados Unidos declarou que seus atletas estão com medo de participar da competição esportiva, em razão da doença.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo