Os Jogos Olímpicos Rio 2016 estão gerando preocupação internacional. Se, de um lado, o Comitê Organizador afirma que tudo está praticamente pronto, de outro, fatores externos atrapalham a imagem do Brasil frente a outros países. Além do momento de extrema turbulência Política, com acusações de casos de corrupção, caminhos para o Impeachment presidencial e divisão no país, outros fatores ainda permeiam os desconfortos de quem participará da competição. O vírus zika ainda é bastante preocupante, já que vários casos continuam sendo registrados.

Como se não bastasse, ameaças do H1N1 também podem contribuir com a tensão que permeia a realização do evento mais importante em torno do esporte mundial.

Em primeiro plano, organizacionalmente, tudo parece estar se encaminhando para a conclusão. Isso porque, segundo oministro do Esporte, Ricardo Leyser, em evento realizado no início do mês, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio,mais de 90% das instalações estão prontas. A reunião realizada, contou com integrantes doComitê Olímpico Internacional (COI), que analisaram o andamento das obras.

Porém, o momento desfavorável da política no Brasil, juntamente com ameaças na saúde preocupam o COI. No último domingo (18), foi aprovado o andamento do impeachment contra Dilma Rouseff e as relações com os países que participarão dos jogos acaba ficando ainda mais estremecida, já que a presidente não irá no evento de abertura, que ocorrerá no dia 21 deste mês,na Grécia. Internacionalmente, aimagem do Brasil é de um país vivendo momentos de extrema tensão política e dúvidas sobre o suporte necessário para algo do tamanho de uma olimpíada.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Lula Política

Zika Vírus também é empecilho

Outro fator que também tem preocupado bastante o COI é a epidemia do vírus zika. Os números de casos registrados no Brasilsão altos, o que já despertou atenção especial da Organização Mundial da Saúde (OMS). A preocupação é tão grande que alguns países vetaram a vinda de mulheres grávidas aopaís brasileiro, para evitar contaminação e casos de bebês com microcefalia. Segundo o Ministério da Saúde, o Rio de Janeiro, cidade-sede das Olimpíadas, é um dos cinco estados com maior índice de registros do vírus.

Com isso, tem sido difícil passar a imagem "bonita" da cidade maravilhosa. A crise política e na saúde, pode fazer com que os jogos sejam realizados já com a queda da presidente Dilma e com o risco de surtos da epidemia do zika vírus, o que seria muito negativo para o Brasil.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo