Zé de Abreu participou doDomingão do Faustão parafalar sobre a polêmica que se envolveu nos últimos dias após cuspir em casal anti-PT que o xingou em restaurante japonês de São Paulo. Houve boatos de que sua participação no programa, que já estava programada, poderia ser cancelada, mas foi decidido mantê-la.

Sobre o cuspe, ele admitiu que cuspiu, mas que "não saiu cuspe". E falou sobre o homem que o xingou: "Ele poderia ter evitado, eu não" e também que foi uma "reação impensada".Ele não se intimidou e deu todas as suas opiniões sobre o PT e contra o PMDB.

Em certo momento, falou que "querem tirar Dilma para entregar o Brasil para o PMDB do Rio, esse que derruba ciclovia", falando sobre o acidente no Rio de Janeiro que aconteceu nos últimos dias na nova ciclovia Tim Maia.

"A primeira pessoa que deixou a Polícia Federal trabalhar sossegada foi a Dilma" Ele relembrou que Michel Temer já foi citado quatro vezes na Operação Lava Jato, e ele que substituirá Dilma caso haja o impeachment, e que Cunha é ainda pior, por isso não tem legitimidade para presidir o processo.

Ele se refere à primeira etapa, em que a Câmara dos Deputados, que tem Cunha como presidente, votou para dar prosseguimento ao processo, que agora está no Senado."A corrupção começou a aparecer no Brasil porque ela começou a ser combatida verdadeiramente", disse.

Ele também aproveitou para falar sobre o machismo do Brasil e que, em sua opinião, a presidente sofre:"A Dilma é mulher e o Brasil é muito machista".Se referindo a Reinaldo Azevedo, mas sem citar seu nome, ele falou: "Colocou na cabeça de todo mundo que todo petista é ladrão".

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Política

Ele também comentou que é um absurdo o que está acontecendo com diversas pessoas públicas que se juntam para hostilizar quem pensa diferente, e deu como exemplo o que já aconteceu com políticos que receberam xingamentos em lugares públicos.

Faustão faz questão de frisar que a democracia é ter a oportunidade de falar o que pensa. Zé de Abreu fala que a RedeGlobo sempre lhe deu liberdade para falar o que pensa e que a emissora sempre responde a quem pede sua demissão que não interfere na vida e opinião pessoal de nenhum de seus empregados.

No Twitter, parte dos internautas gostaram de sua participação e apoiaram suas opiniões políticas, enquanto parte repudiou.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo