Se você já foi ao Canadá e sonha em voltar lá, então já pode ir preparando suas malas porque o governo daquele país já anunciou que, a partir do ano que vem, os brasileiros não precisarão mais apresentar visto para entrar nas visitas temporárias, seja a passeio ou então a trabalho. Entretanto, essa comodidade só terá validade para os brasileiros que já visitaram o país na última década ou então aqueles que possuem visto para os Estados Unidos.

Publicidade
Publicidade

Quem se encaixar no perfil apresentado só precisa solicitar uma autorização para viajar, a chamada "Autorização Eletrônica de Viagem" ou eTA - Electronic Travel Authorization.

Riccardo Savone, que é o embaixador do Canadá aqui no Brasil, informou que o país está adotando tal medida para facilitar ao máximo a ida de brasileiros ao país nas viagens temporárias. Quanto àqueles que não se encaixam no perfil acima, será preciso continuar tentando o visto, que está custando na média 100 dólares canadenses, algo em torno de R$ 300,00.

Publicidade

Também é preciso pagar uma taxa no valor de 30 dólares canadenses, cerca de R$ 90,00.

Atualmente, todo brasileiro que tem um visto de turista para o Canadá pode ir para lá estudar, entretanto o curso deve ter duração máxima de 6 meses, o tempo limite para o visto. Alguém que esteja pensando em fazer um intercâmbio pode sim usar o seu visto de turista, desde que esse seja um intercâmbio rápido, respeito o prazo máximo estipulado.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Viagem Turismo

Importante ficar atento à validade do passaporte, uma vez que o visto é válido se o documento estiver dentro da data de validade. A imigração é quem determina o tempo de permanência no Canadá, o que quase sempre é de 6 meses, mas isso não é uma regra e pode ser que, por algum motivo, você consiga um prazo menor, então é bom estar preparado para a mudança de planos.

Os interessados devem preencher o formulário individual constam as informações familiares e a autorização, onde todos os solicitantes da família devem assinar.

Também é preciso criar uma conta GCkey onde é solicitado o visto canadense.

Em seguida, o interessado faz o teste de "elegibilidade" e então providencia todos os documentos necessários. No site da Embaixada do Canadá no Brasil estão todas as demais informações. Saiba mais em www.canadainternational.gc.ca/brazil-bresil/index.aspx?lang=por.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo