Uma tentativa de assassinato foi registrada na madrugada de sábado (26), na avenida Norte Sul, em Rolim de Moura, Rondônia. A vítima, identificada como Daiana Carolina, de 26 anos, foi esfaqueada pelo seu ex-marido. O acusado foi identificado como Juliano Simão, de 28 anos.

De acordo com informações repassadas pelas autoridades, a vítima estava trafegando na garupa da motocicleta de seu atual namorado, pela avenida, sentido norte/sul da cidade.

Logo após eles passarem por uma rotatória, foram interceptados pelo acusado, que também trafegava numa motocicleta. Juliano desceu de sua motocicleta, em posse de faca, foi até a vítima e a desferiu cerca de três golpes de faca em sua ex-esposa.

Diante da situação, o atual namorado da vítima interveio, e, com um capacete, começou a efetuar vários golpes na cabeça do acusado e o imobilizou o mesmo. A Polícia foi acionada por populares, e quando os policiais chegaram ao local informado, o suspeito foi preso.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada, e os socorristas fizeram os primeiros atendimentos na vítima e no seu ex-marido, que ficou ferido, devidos aos golpes de capacete desferido pelo atual namorado da vítima.

Logo em seguida, a vítima e o acusado foram levados para o Hospital Municipal da cidade. Segundo informações repassadas pela polícia, a jovem teve cortes profundos na região lombar e no seu braço direito.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia

Conforme informação da equipe médica, a mulher corre um sério risco de ficar paraplégica devido à gravidade dos ferimentos em sua região lombar. Como seu estado de saúde é bem delicado, ela foi transferida para uma Unidade Hospitalar na cidade de Cacoal.

Já o acusado recebeu os primeiros atendimentos médicos e, logo após, foi levado por uma viatura da polícia para a Delegacia de Polícia Civil. Ele foi atuado em flagrante por tentativa de homicídio doloso, quando a intenção de matar.

Ele encontrar-se preso e ficará à disposição da Justiça para tomar todas as medidas necessárias dentro da lei. A polícia da cidade abriu um inquérito e o caso está sendo investigado.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo