Um estelionatário foi preso em flagrante no estado de São Paulo por extorsão. João Paulo Nascimento, de 30 anos, exigia dinheiro de uma vítima para não divulgar vídeos íntimos na Internet. Na delegacia, algemado, ele manteve o rosto para baixo e se dizia arrependido. Mas, para a polícia, toda esse arrependimento não passava de fachada, já que ele mesmo assumiu que já conseguiu duas vítimas.

"Fiz com ela e com um homem também, somente esses dois", afirmou João Paulo ao ser questionado pelo o repórter da TV Record, que fazia a reportagem do crime. O acusado assumiu sem nenhum constrangimento o motivo pelo qual aplicava os golpes: queria dinheiro para pagar dívidas de bares.

Na delegacia, o acusado estava vestido justamente com um par de tênis que, segundo ele, foi comprado com o dinheiro que extorquiu da vítima.

Entenda o caso

Tudo começou através de um site de anúncio. A vítima é uma médica veterinária, tem 24 anos, e teve seu nome preservado. Na internet, ela divulgava seus serviços e nos anúncios constava o número do celular. Foi aí que João Paulo começou a enviar mensagens românticas para a moça.

"Ele queria que eu saísse com ele, era a proposta dele. Sai comigo, você é muito bonita, dizia. Ele me ligava o tempo inteiro para marcar um encontro", relatou a veterinária. O homem precisava conquistar a confiança da vítima e, então, adotou uma estratégia.

Com outro celular e usando outro número, e se identificando como uma mulher que já foi sua funcionária, ele começou a conversar com a médica.

Essa suposta mulher fazia uma verdadeira propaganda de João Paulo. Falava que ele era um bom partido, que era rico e carinhoso e que a vítima deveria aproveitar a oportunidade e ficar com ele. Mas, tudo era apenas uma complementação do golpe.

Fase difícil

Mesmo desconfiando, a veterinária se deixou levar e caiu na lábia do estelionatário, que se apresentava com o nome de 'Carlos'. Ela então continuou a conversar com ele diariamente. Passadas três semanas de papos, João passou a pedir que a vítima enviasse vídeos íntimos para ele e a moça acabou aceitando. Ela disse que estava enfrentando um momento difícil na vida e acreditou na conversa do criminoso.

"Ele se mostrava ser uma cara interessante, um cara de bem, estruturado, totalmente diferente do que a gente viu que ele é", disse a jovem. Tudo mudou quando João Paulo se transformou. Logo que recebeu o vídeo, ele parou de se comunicar com a moça. Pouco tempo depois, ele apareceu e foi aí que começou o drama da veterinária. O criminoso passou a exigir dinheiro da vítima para não divulgar os vídeos na internet.

A médica, sentindo-se cansada das ameaças, resolveu contar tudo para a polícia. Sob orientação do delegado, resolveu marcar um encontro com o criminoso. Em primeiro momento, João desconfiou da intenção de encontrá-la, mas insistiu e disse que estava preocupada que os vídeos fossem parar nas redes sociais.

João Paulo Nascimento foi preso em flagrante na hora que entrava no carro da médica e está à disposição da justiça.