A Polícia está investigando a morte de um homem em um parque de exposições na madrugada do último domingo (13), na cidade de Juína, cerca de 741 quilômetros de Cuiabá, capital do Mato Grosso (MT). A vítima foi identificada pelas autoridades locais como Jhonathan Cardoso de apenas 23 anos, que era cantor sertanejo na localidade. Segundo informações divulgadas pela polícia, o jovem foi encontrado caído, em estado grave, no fundo do palco da Exposição Agropecuária de Juína (EXPOJUÍNA), que está sendo realizado na cidade.

Publicidade

Ainda de acordo com a polícia, a vítima não apresentava nenhum tipo de agressão física. As primeiras investigações feitas no local apontam que o jovem cantor foi atropelado por um caminhão, mas apenas uma investigação mais detalhada vai apontar a real forma da morte precoce do cantor. Jhonathan era bem conhecido na localidade e fazia dupla com o jovem Tiago Lima. Eles se apresentavam em várias cidades do Mato Grosso. De acordo com informações de imprensa local, a vítima foi atendida ainda no local pelos bombeiros civis, por volta das 2h30m da madrugada de domingo.

Em seguida, ele foi encaminhado às pressas em estado grave pelo SAMU para uma unidade médica da localidade, mas morreu assim que deu entrada no hospital. Logo após, seu corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) da cidade, onde passou por todos os exames necessários para o caso, em seguida, foi liberado para seus familiares para o sepultamento. Conforme informações repassadas por um investigador da Polícia Civil, no corpo da vítima tinha marcas que podem ser de pneus nos braços e no tórax do cantor.

Publicidade

As informações também foram confirmadas pelo vereador da cidade, identificado como Wilson Locateli, que trabalha na Associação do Ministério da Esperança (AME).

A Polícia Civil da cidade abriu um inquérito para investigar a morte do sertanejo. Segundo a polícia, serão convocadas testemunhas para prestar mais esclarecimentos sobre o caso. Amigos e familiares da vítima lamentaram em redes sociais a morte de Jhonathan. “Lembro como se fosse hoje a primeira vez que começamos a tocar juntos, das vezes que nos apresentamos, de como foi nossa luta, nossos amigos, nossa força de vontade e insistência de sempre seguir em frente.

Vai com Deus, você vai ser lembrado eternamente em meu coração”, disse Thiago. O corpo do jovem está sendo velado na capela Mortuária da AME e será sepultado ainda nesta segunda-feira (14).