Um crime que aconteceu em Codó, no Maranhão chocou o país. A cidade que fica a cerca de 297 quilômetros de São Luís, foi palco de um crime bárbaro nesta última segunda-feira (9). Um homem assassinou covardemente duas mulheres na cidade, mãe e filha. Para cometer o assassinato o homem fez uso de uma marreta e desferiu golpes contra elas. De acordo com informações do portal 'Meio Norte', as vítimas e o rapaz teriam tido uma forte discussão que motivou o crime. As duas mulheres teriam ido até a casa de Bezerra para conversar com ele sobre um empréstimo que uma delas teriam feito no nome de Antônio.

Cavando a cova

A intenção do assassino era enterrar o corpo das mulheres em uma cova de sua própria residência. Para isso ele começou a cavar. Provavelmente o homem acreditava que ninguém teria visto absolutamente nada. Porém, o que ele não esperava era que alguns vizinhos estranharam a movimentação em sua casa e por esse motivo eles acionaram a Polícia. Assim que a polícia foi acionada, uma viatura foi encaminhada para o endereço designado.

Quando os policiais chegaram lá, eles encontraram o homem fazendo um buraco onde posteriormente ele jogaria os corpos. A população se enfureceu com tudo isso e queria linchar o assassino. Porém, ele saiu do lugar protegido pela Polícia Militar para que dessa forma os moradores não conseguissem fazer nenhum arranhão nele.

Antônio tenta se defender

O homem disse que cometeu o assassinato em um momento de fúria.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia

Ele ainda disse que uma das vítimas cometia crimes contra os moradores da cidade, mas não citou quais seriam esses crimes. No vídeo que você poderá ver logo abaixo o acusado deu detalhes do crime. Assista!

Indignação nas redes sociais

Tão logo o caso foi noticiado pela imprensa, uma grande indignação tomou conta dos internautas. Muitas pessoas se mostraram assustadas com a falta de segurança e com a crueldade com a qual as moças foram mortas.

A morte de mãe e filha foi lamentada por amigos e parentes. Os internautas ficaram furiosos ao saber que o assassino foi protegido pela polícia para que não fosse linchado pelos moradores locais. Muitas pessoas comentaram que se o homem pode cometer assassinato ele pode apanhar. Porém, a lei determina que a integridade física da pessoa seja protegida. Os policiais agem apenas de acordo com o que a lei ordena.

Outras pessoas aplaudiram a atitude dos agentes e disseram que cabe a justiça julgar o caso.

Lembre-se de deixar o seu comentário. Sua opinião é muito importante para a nossa equipe e sempre ajuda no diálogo de temas com relevância para a nossa sociedade.

Veja a entrevista que ele deu explicando o que o levou a cometer o crime:

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo