Policiais do Batalhão de Polícia de Choque apreenderam mais um fuzil AK-47 na comunidade da Rocinha, no Rio de Janeiro. A arma de alto poder letal, muito utilizada por terroristas no Oriente Médio, foi apreendida na noite desta terça-feira (10), pouco mais de 24 horas após a apreensão de um outro fuzil, da mesma espécie, inteirando o 19º apreendido na comunidade, desde o início da Operação Rocinha.

Além do fuzil, os policiais militares apreenderam duas pistolas, uma granada defensiva, 147 munições, entorpecentes e cinco carregadores.

Publicidade
Publicidade

Operação de desmonte do crime organizado prossegue no Rio

Segundo informações da PM, os policiais vêm atuando em operações na Rocinha desde o dia 18 de setembro, com o objetivo de prender criminosos com envolvimento no tráfico de entorpecentes.

Ao todo, estão trabalhando nas operações mais de 500 policiais, com atuação em 15 pontos de cerco e outros 14 de contenção, dentro da comunidade da Rocinha.

Publicidade

Participam das operações policiais da UPP Rocinha, do 23º BPM, com sede no Lelon. Esses homens contam com apoio de policiais de outras UPPs e batalhões, como o Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), Batalhão de Ações com Cães (BAC), Batalhão de Polícia de Choque e Grupamento Aeromóvel.

Fuzil AK-47 é um dos mais usados por criminosos no mundo todo

O fuzil AK 47, apreendido na Rocinha, é um dos mais utilizados por criminosos em todo o mundo, pelo preço acessível e alto poder de letalidade.

Com a apreensão realizada nesta terça-feira, a polícia chega à 19ª apreensão de fuzis, somente na Operação Rocinha. Desde o início do ano, já foram retirados das mãos de bandidos mais de 300 fuzis. Essas armas estavam sendo utilizadas em ações criminosas no Rio de Janeiro.

De origem russa, o fuzil AK-47 tornou-se muito popular na época da Guerra Fria, tendo sido utilizado por países do antigo bloco comunista. Atualmente, esse rifle é muito usado em países do Oriente Médio e em nações do Leste da Europa.

Este rifle tem sido muito usado em ações terroristas, em função do baixo preço e da facilidade de compra no chamado mercado negro.

O fuzil AK-47 é considerado uma arma relativamente obsoleta, já que foi criada em 1947. No entanto, o rifle é considerado como uma das melhores opções para a troca intensa de tiros, devido a sua potência. De acordo com informações do Guiness Book o fuzil AK-47 ainda é a arma de fogo mais utilizada na atualidade, com mais de 100 milhões de unidades produzidas.

Publicidade

Números da AK-47 impressionam

Mesmo considerada uma arma relativamente ultrapassada, a AK-47 ainda impressiona pelos números. Além de ser o fuzil mais utilizado no mundo, o armamento tem fama de ser muito confiável.

Além disso, outra vantagem é o baixo custo de produção. A manutenção dessa arma também é considerada simples e o fuzil é muito mais resistente do que outras armas mais modernas.

A arma é famosa por desencadear uma "parede de chumbo" extremamente letal contra o alvo, em função da capacidade que tem de desferir muitos tiros por minuto.

Publicidade

O maior rival da AK-47 é o fuzil M16, um rifle mais moderno. No entanto, o AK tem manutenção e limpeza mais fáceis. A arma de origem russa também vence nos quesitos confiabilidade e resistência ao tempo.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo