Um mês após uma das tragédias de maior repercussão nacional este ano, quando um vigia ateou Fogo em uma creche de Janaúba (MG), deixando 11 mortes e mais de 20 feridos, mais um caso de incêndio em escola resultou em morte. Desta vez, o fogo foi causado após um curto-circuito e acabou vitimando a Freira Terenice Souza Vilas Bôas, de 47 anos.

O incêndio ocorreu na madrugada do último domingo (29), no Educandário Santa Teresinha, em Caicó, cidade da região Seridó potiguar.

De acordo com a Polícia Militar, o corpo da freira foi encontrado carbonizado dentro de um dos cômodos da instituição, local onde ela dormia.

Ainda de acordo com a polícia, o incêndio teria começado justamente no quarto da freira e, em questão de minutos, acabou se espalhando por várias partes da instituição. Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada e em menos de uma hora conseguiu apagar as chamas que haviam no local, mas, ao entrarem no quarto da freira, a encontraram carbonizada.

Em uma entrevista aos órgãos de imprensa locais, os policiais afirmaram que havia outras freiras na escola quando ocorreu o incêndio.

Porém, elas conseguiram sair do local antes que pudessem ser vitimadas. A instituição é de propriedade particular e é coordenada por um grupo de freiras da Irmandade do Amor Divino, da Igreja Católica. Além de escola, o prédio das freiras também é utilizado como sede da Faculdade Católica Santa Teresinha

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, o chamado foi feito por volta das 2h30, quando houve a informação era de que todo o alojamento das freiras havia sido atingido pelo incêndio.

Uma das freiras correu para o meio da rua e teria pedido socorro a algumas pessoas que passavam no local.

Momentos após o ocorrido, uma equipe do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) foi até o local onde recolheram o corpo da freira. A equipe afirmou ainda que vai ser preparado um laudo que apontará as verdadeiras causas do incêndio. A freira Terenice era natural do município de Santo Estevão, no interior da Bahia, e recentemente havia chegado à instituição de Caicó, onde completava o quadro de freiras.

Populares da cidade ficaram arrasados com a morte da religiosa, afirmando que ela era muito carismática e tinha a apreciação de todos que ali frequentavam. Nas redes sociais, o incidente deixou muitas pessoas abaladas, pois o comentário era que haveria mais vítimas, mas, a polícia logo divulgou o que de fato havia ocorrido.

Ao saberem da morte da freira, internautas compartilharam vários textos em homenagem a religiosa, pedindo para que Deus a recebesse de braços abertos, pois teria dedicado a sua vida desde a adolescência para a vocação.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo